Busca avançada
Ano de início
Entree

André Farias de Moura

CV Lattes


Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

O Professor André Farias de Moura é bacharel em química pela Universidade de São Paulo (1999) e Doutor em Ciências pela Universidade Federal de São Carlos (2004), tendo realizado estágio de pós-doutorado na Universidade de São Paulo (2004-2006). Docente do Departamento de Química da Universidade Federal de São Carlos desde 2006, o Professor André se dedica ao estudo computacional de materiais funcionais auto-organizados, como micelas, polímeros, filmes finos e suspensões coloidais de nanopartícula, em especial os sistemas quirais bioinspirados e biomiméticos, com ênfase para o cálculo de propriedades quirópticas e para os mecanismos de reconhecimento quiral, e como tais propriedades podem levar a aplicações. Além da pesquisa, o Professo André também atua na divulgação científica, apresentando os seus resultados de pesquisa na mídia e nas redes sociais em formatos e linguagens acessíveis para o público não especializado. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 26/11/2022
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Videos relacionados aos auxílios à pesquisa e bolsas

Nanopartículas de ouro quiral aumentam em mais de 25% a eficácia de vacinas


Publicado em 24 de janeiro de 2022 - Agência FAPESP. A eficácia de vacinas pode ser expressivamente aumentada, em mais de 25%, se forem agregadas como adjuvantes nanopartículas de ouro quirais, orientadas para a esquerda. A descoberta foi feita por colaboração internacional com participação de pesquisadores brasileiros. Artigo a respeito acaba de ser publicado na revista Nature: “Enantiomer-dependent immunological response to chiral nanoparticles” [https://www.nature.com/articles/s4158...]. O estudo reuniu grupos de pesquisa das universidades de Michigan, no Estados Unidos, e de Jiangnan, na China. A participação brasileira foi liderada por André Farias de Moura, professor do Departamento de Química da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e pesquisador do Centro de Desenvolvimento de Materiais Funcionais (CDMF), um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) apoiados pela FAPESP.

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: