Busca avançada
Ano de início
Entree


Projeto e implementação de variabilidade em arquiteturas baseadas no modelo de componentes COSMOS*

Texto completo
Autor(es):
Marcelo de Oliveira Dias
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Computação
Data de defesa:
Membros da banca:
Patrick Henrique da Silva Brito; Eliane Martins
Orientador: Cecilia Mary Fischer Rubira
Resumo

Muitos esforços estão sendo feitos, atualmente, para se obter um alto grau de reutilização durante o desenvolvimento de sistemas. Linhas de produtos de software (LPS) é uma abordagem moderna para promover a reutilização de software. Um dos principais artefatos de uma LPS é sua Arquitetura de Linhas de Produtos (ALP), que provê uma perspectiva global das variabilidades da linha, ao passo que engloba os conceitos tradicionais de uma arquitetura de software. Devido as variabilidades de software de uma ALP, a evolução arquitetural é ainda mais complexa, do que quando comparado com evolução de arquiteturas de software convencionais. O objetivo principal deste trabalho é propor um novo modelo para especificar e implementar variabilidades de software em ALPs baseadas em componentes, de forma a facilitar a evolução arquitetural. A solução proposta é um refinamento do modelo de implementações de componentes COSMOS*, chamado COSMOS*-VP, que emprega a modularização de pontos de variação explícitos e modernas abordagens de programação orientada a aspectos, com o intuito de promover a estabilidade arquitetural, e assim, facilitar a evolução de ALPs. A validação do modelo proposto foi feita utilizando duas LPS, que sofreram diversos cenários de evolução reais. Durante as evoluções, as ALPs criadas utilizando COSMOS*-VP tiveram a estabilidade mensurada através de métricas de impacto de mudanças e modularidade. Os resultados obtidos para o modelo proposto foram comparados com os alcançados utilizando o modelo COSMOS* original (AU)