Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de filmes e microesferas de quitosana natural impregnados com extratos de resíduos vegetais com propriedades antimicrobianas: aplicação na indústria e agricultura

Resumo

Compostos antimicrobianos extraídos de fontes naturais tem um grande potencial no controle da contaminação bacteriana e fúngica na indústria de alimentos. São encontrados em ervas, especiarias, frutas, sementes, folhas e cascas de animais, constituindo uma opção nova, segura e ambientalmente recomendada, uma vez que podem ser utilizados resíduos como fontes de antimicrobianos. Na fermentação alcoólica para produção de etanol combustível as estratégias convencionais de controle de crescimento bacteriano envolvem a utilização de antibióticos e tratamento com ácido sulfúrico. Problemas relacionados ao aumento da resistência aos antibióticos encontrada em bactérias isoladas próximas às destilarias e mesmo o alto custo envolvido na sua aplicação, aliados à periculosidade do manuseio do ácido sulfúrico no tratamento das células entre os ciclos fermentativos, tem estimulado a procura por estratégias não-convencionais para conter a contaminação. A proposta do presente projeto é utilizar resíduos de camarão para obtenção de quitina por meio de fermentação conduzida pela bactéria Lactobacillus plantarum, seguida de desacetilação química da quitina para obter quitosana, e em seguida preparar filmes e microesferas de quitosana impregnados com extratos de cascas e sementes de frutas. Os filmes e microesferas obtidos serão caracterizados e testados contra micro-organismos contaminantes da fermentação etanólica e contra fungos fitopatógenos in vitro. Posteriormente, as microesferas serão testadas durante a fermentação etanólica em duas etapas do processo: durante o tratamento ácido das células que ocorre entre os ciclos fermentativos; e durante a fermentação propriamente dita. Quanto aos filmes, será realizado um teste com tomate para verificar a viabilidade de utilização do filme no controle de fungos causadores de podridão pós-colheita. A ideia é expandir a possibilidade de usar o conjunto quitosana + extratos vegetais para outra esfera de aplicação, na agricultura. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CECCATO-ANTONINI, SANDRA REGINA; COVRE, ELIZABETE APARECIDA. From baker's yeast to genetically modified budding yeasts: the scientific evolution of bioethanol industry from sugarcane. FEMS Yeast Research, v. 20, n. 8 DEC 2020. Citações Web of Science: 0.
TANGANINI, ISABELLA C.; SHIRAHIGUE, LIGIANNE D.; DA SILVA, MARIANA ALTENHOFEN; FRANCISCO, KELLY R.; CECCATO-ANTONINI, SANDRA R. Bioprocessing of shrimp wastes to obtain chitosan and its antimicrobial potential in the context of ethanolic fermentation against bacterial contamination. 3 BIOTECH, v. 10, n. 3 FEB 24 2020. Citações Web of Science: 0.
LIGIANNE DIN SHIRAHIGUE; SANDRA REGINA CECCATO-ANTONINI. Agro-industrial wastes as sources of bioactive compounds for food and fermentation industries. Ciência Rural, v. 50, n. 4, p. -, 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.