Busca avançada
Ano de início
Entree

Espectroscopia exploratória de candidatas a variáveis cataclísmicas magnéticas e outros objetos variáveis II

Processo: 20/03992-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de junho de 2020 - 30 de novembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Astrofísica Estelar
Pesquisador responsável:Alexandre Soares de Oliveira
Beneficiário:Alexandre Soares de Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento (IP&D). Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP). São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Variáveis cataclísmicas  Estrelas variáveis  Espectroscopia 

Resumo

Este é o segundo artigo de uma série que apresenta nossa busca por variáveis cataclísmicas magnéticas (mCVs) entre candidatos selecionados principalmente Catalina Real-Time Transient Survey. Apresentamos os espectros de identificação obtidos no Telescópio SOAR, bem como as magnitudes e distâncias Gaia para 45 objetos. Destes, 39 objetos são identificados como CVs, dos quais 8 alvos mostram características observacionais das mCVs, sendo 7 polares e 1 polar intermediário. Os 31 CVs restantes em nossa amostra provavelmente são sistemas não-magnéticos, em estados de acresção baixa (22 sistemas) ou alta (9 sistemas). Seis alvos da amostra não são CVs (5 núcleos galácticos ativos e 1 estrela T Tauri). Entre os 8 objetos com espectros de mCV, 6 são novas classificações. Três polares foram observados em estado de baixa acresção, seja revelando sinais fotosféricos da estrela secundária e permitindo a estimativa de seu tipo espectral, ou apresentando componentes Zeeman em H² associados ao campo magnético da anã branca (WD). Em adição aos resultados obtidos no primeiro artigo da série, e dependendo da confirmação dessas classificações por acompanhamento observacional, nossos resultados devem aumentar a amostra de polares conhecidos em cerca de 9%. (AU)