Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento e aplicação de métodos automatizados de análises químicas para caracterização e monitoramento de sistemas intensivos de produção animal

Processo: 94/00311-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de novembro de 1994 - 31 de dezembro de 1997
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Elias Ayres Guidetti Zagatto
Beneficiário:Elias Ayres Guidetti Zagatto
Instituição-sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Auxílios(s) vinculado(s):96/05104-1 - Flow analysis with accuracy assesment, AR.EXT
Bolsa(s) vinculada(s):97/04077-3 - Determinação de polifenóis totais e tanino condensado em amostras de leguminosas forrageiras empregando sistema de análise por injeção em fluxo, BP.IC
96/00571-0 - Determinação espectrofotométrica catalítica de iodeto em amostras de leite e suplementos minerais em sistema de análise por injeção em fluxo, BP.IC
96/00618-7 - Desenvolvimento de sistema polivalente por injeção em fluxo para determinação de ferro, cobre, manganês e zinco em amostras de digeridos vegetais, BP.IC
Assunto(s):Metais  Automação industrial  Produção animal 

Resumo

O projeto visa o desenvolvimento de procedimentos automatizados para análises químicas multi-paramétricas de amostras provenientes de sistemas intensivos de produção animal, visando as determinações dos principais macro e micronutrientes em materiais vegetais, tecidos animais, águas, solos e fertilizantes, bem como Cr e Co, IO3 e BrO3 em alimentos e em suplementos animais, com ênfase à exploração de cinética reacional em sistemas de análises químicas por injeção em fluxo (FIA). A pesquisa proposta tem como objetivo a concepção, desenvolvimento e aplicação de novos sistemas FIA para determinação de espécies químicas inorgânicas relevantes à pesquisa agropecuária e sua posterior implementação em rotina. Os sistemas estão sendo aperfeiçoados e simplificados, de forma a flexibilizar a proposta de um analisador polivalente para utilização em larga escala. Paralelamente, sistemas mais complexos visando determinação simultânea, economia de reativos, emprego de técnicas de separação/concentração, etc. serão desenvolvidos. O emprego de detecção espectrofotométrica foi priorizado, por se apresentar de fácil implantação em qualquer laboratório analítico. Algumas potencialidades dos sistemas FIA, tais como relocalização do detector, parada de fluxos, coalescência de zonas, determinações simultâneas, etc., serão exploradas. Também serão projetados sistemas FIA envolvendo válvulas solenóides de três vias operadas por microcomputador, resultando em aumento de versatilidade dos sistemas, expansão da aplicabilidade dos procedimentos, e facilidade de implantação em análises em larga escala. (AU)