Busca avançada
Ano de início
Entree

Estabilidade dimensional e energia de ruptura de bases de proteses reembasadas com resinas autopolimerizaveis. efeito da desinfeccao por microondas.

Processo: 02/13680-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2003 - 31 de dezembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Carlos Eduardo Vergani
Beneficiário:Carlos Eduardo Vergani
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Prótese parcial removível  Resinas acrílicas  Micro-ondas 

Resumo

Tendo sido verificada a efetividade da esterilização por meio das microondas em corpos-de-prova de materiais reembasadores. O objetivo deste estudo será avaliar o efeito da desinfecção por microondas (650W/6min) sobre a alteração dimensional e energia de ruptura de bases de prótese reembasadas. Serão confeccionadas 40 bases de resina termopolimerizável com 4 mm de espessura e 160 bases de prótese de 2 mm, sendo estas reembasadas (2 mm) com diferentes materiais reembasadores. As bases serão divididas em 20 grupos de 10 cada e receberão um dos seguintes tratamentos: T1-sem tratamento, T2-desinfecção única, T3-desinfecção diária por um período de 7 dias e T4-imersas em água destilada por 7 dias. As mensurações de alteração dimensional serão realizadas entre pontos de referência reproduzidos pelas bases de prótese, por meio de um Projetor de perfil. Todas as bases serão submetidas ao teste de resistência à flexão (5 mm/min) para a obtenção da energia necessária para ruptura de cada base de prótese reembasada ou não. (AU)