Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de marcadores inflamatórios e adipoquinas em pacientes com resistência à insulina: impacto da distribuição de gordura corporal e da redução de peso em pacientes obesos e hipertensos

Processo: 04/02783-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2004 - 31 de julho de 2005
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Maria Teresa Zanella
Beneficiário:Maria Teresa Zanella
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Diabetes mellitus  Hipertensão  Inflamação  Obesidade 

Resumo

O presente projeto tem por objetivo avaliar os marcadores inflamatórios(MI) e adipoquinas em amostras de soro obtidas no decorrer de dois estudos concluídos, envolvendo pacientes com características da síndrome metabólica. O primeiro estudo foi constituído por 100 pacientes divididos em 4 grupos: normotensos não obesos; hipertensos não obesos; normotensos obesos e hipertensos obesos. O objetivo do estudo foi a análise da influência da hipertensão arterial(HA) sobre a resistência à Insulina(RI) e o perfil de pressão arterial(PA) nas 24 horas nos grupos acima. É possível avaliar os MI, em condições ligadas RI tanto isoladamente como em conjunto, bem como o impacto da distribuição de gordura corporal sobre esses marcadores, através da análise nas amostras estocadas. O segundo estudo se propôs a estudar os efeitos de uma dieta hipocalórica associada ao orlistat comparados ao grupo controle (apenas com dieta), em 40 pacientes obesos e hipertensos sobre a RI e os níveis de PA. O impacto da perda de peso e da melhora da RI sobre os MI e adipoquinas poderá ser avaliado neste estudo. (AU)