Busca avançada
Ano de início
Entree

Projeto de um ASIC de aquisição e processamento digital de sinais para o time projection chamber do experimento ALICE

Processo: 13/06885-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2013 - 30 de junho de 2016
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Circuitos Elétricos, Magnéticos e Eletrônicos
Pesquisador responsável:Wilhelmus Adrianus Maria van Noije
Beneficiário:Wilhelmus Adrianus Maria van Noije
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Alexandre Alarcon Do Passo Suaide ; Jun Takahashi ; Marcelo Gameiro Munhoz ; Nelson Carlin Filho ; Sergio Takeo Kofuji
Bolsa(s) vinculada(s):15/02134-0 - Projeto dos blocos front-end para um ASIC de aquisição e processamento digital de sinais em tecnologia CMOS, para o Time Projection Chamber do experimento ALICE (CERN), BP.TT
15/02006-1 - Suporte no projeto e testes experimentais do ASIC de aquisição e processamento digital de sinais para o Time Projection Chamber do experimento ALICE (CERN), BP.TT
13/22713-9 - Projeto dos blocos front-end para um ASIC de aquisição e processamento digital de sinais em tecnologia CMOS, para o Time Projection Chamber do experimento ALICE (CERN), BP.TT
13/23101-7 - Projeto do bloco de processamento digital para ASIC de aquisição de sinais para o Time Projection Chamber do experimento ALICE, BP.TT
Assunto(s):Microeletrônica  Processamento de sinais  Circuitos integrados  CMOS  Colisões de íons pesados relativísticos  Time projection chamber  Experimento ALICE  Grande Colisor de Hádrons 

Resumo

ALICE (A Large Ion Collider Experiment ) é um dos quatro grandes experimentos do acelerador de partículas LHC (Large Hadron Collider) instalado no laboratório europeu CERN (European Organization for Nuclear Research). Um programa de atualizações desse experimento acaba de ser aprovado pelo comitê gestor do acelerador LHC. Dentro das atualizações planejadas para os próximos anos do experimento ALICE, está melhorar a resolução e eficiência de rastreamento de partículas produzidas em colisões entre íons pesados, mantendo a excelente capacidade de identificação de partículas para uma taxa de leitura de eventos significativamente maior da atual. Para se alcançar esse objetivo, entre outras ações, é preciso atualizar os detectores Time Projection Chamber (TPC), modificando a eletrônica de leitura de eventos. O detector TPC é o dispositivo principal do experimento ALICE para o rastreamento e identificação de partículas carregadas. Para que o TPC alcance a taxa de leitura de eventos requerida, é necessária a migração de MWPC (Multi Wire Proporcional Chamber) para GEM (Gas Electron Multiplier). A eletrônica atual utilizada no TPC não é adequada para esta migração devido a dois motivos. Primeiro, o circuito integrado de pré-ampliação (PASA) dos sinais do detector não suportam sinais com polaridade negativa, o qual não comporta sinais gerados por detectores GEM. A segunda limitação é relativa ao esquema de leitura dos dados. O circuito integrado de conversão analógica-digital e de processamento digital não suporta leituras continuas: a amostragem dos sinais do TPC e o armazenamento em memória dos dados não podem acontecer simultaneamente. Além disso, estes circuitos integrados presentam um alto consumo (considerando o elevado número de canais necessários) e não podem operar em ambientes sometidos a radiação, limitando seu uso em outras aplicações em experimentos de física de altas energias (HEP - High Energy Physics) ou aeroespaciais. Esta proposta inclui o projeto, simulação, fabricação, teste experimental e validação de um ASIC protótipo de aquisição de sinais e de processamento digital que possa ser usado na eletrônica de detecção dos sinais no cátodo do TPC, que suporte polaridades negativas de tensão de entrada e leitura continua de dados, com 32 canais por chip, com menor consumo de potência comparado com a versão anterior do chip, e que possa operar em ambientes sometidos a radiação. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Chip desenvolvido na USP será peça-chave no upgrade do LHC 
Pesquisadores brasileiros desenvolvem microchip para o LHC 
Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio:
Chip das colisões de partículas 
Sopa primordial 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ADOLFSSON, J.; AYALA PABON, A.; BREGANT, M.; BRITTON, C.; BRULIN, G.; CARVALHO, D.; CHAMBERT, V.; CHINELLATO, D.; ESPAGNON, B.; HERNANDEZ HERRERA, H. D.; LJUBICIC, T.; MAHMOOD, S. M.; MJORNMARK, U.; MORAES, D.; MUNHOZ, M. G.; NOEL, G.; OSKARSSON, A.; OSTERMAN, L.; PILYAR, A.; READ, K.; RUETTE, A.; RUSSO, P.; SANCHES, B. C. S.; SEVERO, L.; SILVERMYR, D.; SUIRE, C.; TAMBAVE, G. J.; TUN-LANOE, K. M. M.; VAN NOIJE, W.; VELURE, A.; VERESCHAGIN, S.; WANLIN, E.; WEBER, T. O.; ZAPOROZHETS, S. SAMPA Chip: the New 32 Channels ASIC for the ALICE TPC and MCH Upgrades. Journal of Instrumentation, v. 12, APR 2017. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.