Busca avançada
Ano de início
Entree

Evaluation of pain and anesthetic efficacy after topical application of microneedles: a randomized clinical trial

Processo: 15/50004-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2015 - 30 de junho de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Convênio/Acordo: Texas Tech University
Proposta de Mobilidade: SPRINT - Projetos de pesquisa - Mobilidade
Pesquisador responsável:Michelle Franz Montan Braga Leite
Beneficiário:Michelle Franz Montan Braga Leite
Pesq. responsável no exterior: Harvinder Singh Gill
Instituição no exterior: Texas Tech University (TTU), Estados Unidos
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/06974-4 - Estudos de desenvolvimento, biocompatibilidade e permeação de formulações em gel de anestésicos locais associados a nanocápsulas de poli-epsilon-caprolactona, AP.JP
Assunto(s):Sistemas de liberação de medicamentos  Anestesia  Administração tópica  Mucosa bucal  Cooperação internacional 

Resumo

O objetivo da presente proposta é avaliar a aplicabilidade de microagulhas (MA) como um dispositivo de liberação de fármacos para a mucosa oral (MO) que permita uma anestesia tópica eficiente. Em Odontologia, a anestesia tópica é realizada previamente à injeção da solução anestésica. No entanto, devido à baixa permeabilidade da MO, a aplicação de anestésico tópico não é muito efetiva. MA tem sido muito estudadas como um sistema de liberação transdérmico promissor e permite aplicação indolor e pouco invasiva na pele humana. Recentemente, o grupo de pesquisa do Dr. Gill (Texas Tech - TTU) demonstrou que (i) MA revestidas com vacina, após a inserção no lábio e língua de coelhos pode induzir resposta imune sistêmica e local, e (ii) MA podem ser revestidas com lidocaína, um anestésico comumente usado em Odontologia. Estes resultados sugerem que MA podem ser um sistema de liberação viável para aplicação de lidocaína como anestésico tópico em MO, no entanto, esse sistema não foi avaliado em humanos: Assim, os objetivos da presente proposta são avaliar a dor promovida pela inserção de MA em MO de voluntários, e avaliar a eficácia da aplicação de MA em melhorar a eficácia da lidocaína em anestesia tópica. Nossa hipótese é que a aplicação de MA na MO possa promover pouca ou nenhuma dor, e possa ser um método viável para melhorar a eficácia da anestesia tópica em Odontologia. Em havendo resultados positivos, esse dispositivo de liberação pode ser utilizado para melhorar a eficácia de outros fármacos para tratamento local de outras ... (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Microagulhas podem aumentar a eficácia de anestesia tópica odontológica