Busca avançada
Ano de início
Entree

EMU concedido no processo 2013/07600-3: MicroScale Thermophoresis (MST)

Processo: 16/13884-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa Equipamentos Multiusuários
Vigência: 01 de outubro de 2016 - 30 de setembro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Biofísica Molecular
Pesquisador responsável:Glaucius Oliva
Beneficiário:Glaucius Oliva
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07600-3 - CIBFar - Centro de Inovação em Biodiversidade e Fármacos, AP.CEPID
Assunto(s):Química médica  Biologia estrutural  Proteínas  Fármacos  Terapia de alvo molecular  Termoforese em microescala  Equipamentos e provisões  Laboratórios multiusuários  Equipamentos multiusuários 
Página web do EMU: Página do Equipamento Multiusuário não informada
Agendamento de uso: E-mail de agendamento não informado

Resumo

O Centro de Inovação em Biodiversidade e Fármacos (CIBFar) é uma iniciativa resultante de projetos de pesquisa colaborativos, envolvendo: (i) Laboratório de Química Medicinal e Computacional (LQMC) e Biofísica Molecular - IFSC - USP, (II) Núcleo de Bioensaios, Biossíntese e Eco fisiologia de Produtos Naturais (NUBBE)- IQ- UNESP, (III) Laboratórios de Síntese Orgânica - IQ - UNICAMP, (iv) Laboratórios de Produtos Naturais e Síntese Orgânica - DQ - UFSCar, e (v) Laboratório de Produtos Naturais - FCFRP - USP. O objetivo principal desse Centro é a realização de ciência básica e aplicada, bem como o desenvolvimento tecnológico em todas as áreas de biodiversidade e de descoberta de fármacos com base em pesquisas que utilizam o estado da arte da química de produtos naturais, química orgânica sintética, biologia molecular e estrutural, bioquímica, química medicinal, planejamento de fármacos e ensaios farmacológicos. Os objetivos específicos são a bioprospecção da flora brasileira para a identificação de compostos com um amplo espectro de atividades biológicas (antiparasitária, antibacteriana, anticâncer); seleção de compostos bioativos promissores para síntese orgânica e estudos das relações entre a estrutura e atividade (SAR, QSAR); uso de estratégias de planejamento de fármacos baseado na estrutura do receptor e do ligante (SBDD e LBDD, respectivamente); abordagens para otimização de compostos-líderes; estudos pré-clínicos in vitro e in vivo para a avaliação e otimização de compostos-líderes, e estudos de toxicologia e farmacocinética. O objetivo final é o desenvolvimento de novos candidatos a fármacos com elevado potencial de inovação para desenvolvimento clínico. Para tanto, o CIBFar se baseia não apenas nas competências e conhecimentos científicos sólidos em todas as áreas de interesse, mas também em uma estrutura organizada para a integração das abordagens modernas em biodiversidade e descoberta de fármacos. O CIBFar tem como principal característica a infraestrutura bem estabelecida em termos de competências para o apoio técnico, financeiro, educação tecnológica e gestão executiva (adquirida nos últimos 11 anos como um dos CEPID-FAPESP). A integração máxima com o setor produtivo será realizada para identificação de oportunidades e definição de metas. No aspecto educacional, o Centro conta com a significativa experiência adquirida ao longo de uma década, em educação e disseminação do conhecimento realizada no CEPID-FAPESP. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.