Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de índices de adiposidade e ângulo de fase para predizer alterações metabólicas e risco cardiovascular em pacientes soropositivos para HIV

Resumo

Intodução: A redistribuição de gordura corporal e as alterações metabólicas encontradas em pacientes soropositivos para HIV em terapia antirretroviral de alta potência (TARV) e em pacientes com Lipodistrofia Parcial Familiar Tipo Dunnigan (LPFD)constituem um perfil aterogênico, elevando os riscos para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Identificar precocemente o risco para desenvolvimento dessas doenças através de métodos de avaliação práticos, acessíveis, precisos e confiáveis utilizados na prática clínica torna-se fundamental. Objetivos: Avaliar medidas e índices de adiposidade e propor pontes associados a risco cardiovascular e resistência insulínica em pacientes soropositivos para HIV em TARV de ambos os sexos. Metodologia: Serão avaliados 450 pacientes soropositivos para HIV em TARV e 25 mulheres com LPFD. Serão aferidas medidas de circunferências (cintura, quadril, coxa, panturrilha, pescoço, tronco), pregas cutâneas (bicipital, tricipital, subescapular, supra-ilíaca), realizado o exame de análise de impedância bioelétrica (BIA) e calculados os índices de adiposidades (índice de massa corporal, razão cintura quadril, razão cintura coxa, razão cintura panturrilha, razão cintura estatura, índice de massa corporal corrigido pela massa gorda, body adiposity index, índice de conicidade e a body shape index) e o ângulo de fase da BIA. Para identificação de risco/eventos cardiovasculares serão realizados os exames de eletrocardiograma; eletrocardiografia de esforço; exame de índice tornozelo braquial; pressão arterial sistêmica; exames bioquímicos de lipidograma e glicemia. Para avaliação de sensibilidade insulínica serão realizados os exames de insulina basal e calculado o modelo HOMA (Modelo de avaliação da Homeostase de Resistência Insulínica). Para avaliar o desempenho de todas as medidas/índices de adiposidade para predizer risco cardiovascular serão utilizadas as curvas ROC, sendo que as medidas/índices que apresentarem melhor desempenho (área sobre a curva) serão utilizadas para propor os pontos de corte (os quais apresentarem melhores combinações de sensibilidade/especificidade). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BERALDO, REBECA A.; MELISCKI, GABRIELA C.; SILVA, BRUNA R.; NAVARRO, ANDERSON M.; BOLLELA, VALDES R.; SCHMIDT, ANDRE; FOSS-FREITAS, MARIA C. Anthropometric measures of central adiposity are highly concordant with predictors of cardiovascular disease risk in HIV patients. AMERICAN JOURNAL OF CLINICAL NUTRITION, v. 107, n. 6, p. 883-893, JUN 2018. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.