Busca avançada
Ano de início
Entree

O impacto do ambiente da prática nos resultados com pacientes, profissionais e instituições

Processo: 16/20030-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2017 - 31 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem
Pesquisador responsável:Renata Cristina Gasparino
Beneficiário:Renata Cristina Gasparino
Instituição-sede: Faculdade de Enfermagem. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Ambiente de instituições de saúde  Satisfação no trabalho  Administração em enfermagem 

Resumo

A presença de características no ambiente de trabalho que favorecem a prática profissional do enfermeiro contribui para a obtenção de resultados positivos com os pacientes, profissionais e instituições. Considerando que a realização de pesquisas que avaliam a presença dessas características do ambiente de trabalho devem ser desenvolvidas com o intuito de garantir uma assistência segura e de qualidade aos pacientes, favorecer o benchmarking e a construção de indicadores que possam facilitar a avaliação do impacto do ambiente nos sistemas de saúde, o objetivo geral do presente estudo é descrever a presença de características que favorecem a prática profissional da enfermagem e identificar a variável que mais contribui para a construção de um ambiente favorável à prática. Como objetivos específicos pretende-se: descrever os níveis de exaustão emocional, satisfação profissional, percepção da qualidade do cuidado e intenção de deixar o emprego no próximo ano; avaliar se as diferentes características pessoais e profissionais interferem na percepção das características do ambiente da prática, nos níveis de exaustão emocional, satisfação profissional, percepção da qualidade e intenção de deixar o emprego; classificar os ambientes das instituições em mistos, favoráveis ou desfavoráveis; comparar o ambiente de trabalho das diferentes instituições em níveis nacional e internacional; avaliar se instituições acreditadas possuem ambientes mais favoráveis do que as não acreditas e avaliar se em ambientes favoráveis à prática da enfermagem, os níveis de exaustão emocional e intenção de deixar o emprego serão menores e se a satisfação profissional e a percepção da qualidade serão mais positivas. Para o desenvolvimento do estudo de natureza transversal e com abordagem quantitativa, serão convidados a participar nove hospitais do município de Campinas, inseridos no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde como hospitais gerais, com mais de 100 leitos e que possuem unidades especializadas. Para composição da amostra, que será calculada após a autorização e envio do quantitativo de pessoal pelas instituições participantes, serão considerados os profissionais que atenderem aos critérios de inclusão. Para a coleta de dados serão utilizados: uma ficha para caracterização pessoal e profissional da amostra, duas questões, sendo uma para avaliação da percepção da qualidade do cuidado e outra para a intenção de deixar o emprego no próximo ano, a versão brasileira da PES, a subescala exaustão emocional do Inventário de Burnout de Maslach, a subescala satisfação profissional do Questionário Atitudes de Segurança Short Form. Os dados serão coletados pela pesquisadora e tabulados no programa Microsoft Excel for Windows® e analisados pelo Statistical Analysis System for Windows® e Smart PLS®. Serão utilizadas frequências absolutas, relativas e medidas de dispersão (média e desvio padrão). Serão utilizados os testes de Mann-Whitney, Anova e Sperman. Para identificação do efeito do ambiente nas variáveis de resultado e do construto mais importante para a construção de um ambiente favorável, será utilizada a Modelagem de Equações Estruturais. Previamente ao início da coleta de dados, o projeto deverá ser autorizado pelos responsáveis das instituições, apreciado e aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Estadual de Campinas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GASPARINO, RENATA CRISTINA; MENDONCA FERREIRA, THELEN DAIANA; ADAMI DE CARVALHO, KAMILA MARIANA; ALVES RODRIGUES, ELKE SANDRA; ABATTE TONDO, JULIANA CRISTINA; DA SILVA, VANESSA ABREU. Evaluation of the professional practice environment of nursing in health institutions. Acta Paulista de Enfermagem, v. 32, n. 4, p. 449-455, JUL-AUG 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.