Busca avançada
Ano de início
Entree

Evolução em Staurozoa: subsídios moleculares, morfológicos, de cnidoma e desenvolvimento

Processo: 10/07362-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2010
Vigência (Término): 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Morfologia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Antonio Carlos Marques
Beneficiário:Lucília Souza Miranda
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Assunto(s):Ciclo de vida   Expressão gênica   Evolução animal   Zoologia (classificação)

Resumo

Análises filogenéticas recentes baseadas em dados de ciclo de vida, morfologia e moléculas resultaram na proposta de uma nova classe para Cnidaria, Staurozoa. Devido ao seu posicionamento na topologia do filo, na base de Medusozoa, e a particularidades do seu ciclo de vida, durante o qual ocorre metamorfose do pólipo para medusa sem fissão transversal ou brotamento lateral, estudos com estauromedusas contribuem para uma melhor compreensão sobre a evolução do ciclo de vida em Cnidaria. Entretanto, considerações evolutivas que lidem com o relacionamento entre os componentes da classe são raras e restritas a poucas espécies. Visando abordar diferentes aspectos relacionados à evolução de Staurozoa, este projeto tem como objetivo inferir (1) a evolução do plano corporal de Staurozoa; (2) o significado taxonômico/evolutivo do cnidoma para classe; (3) a natureza polipóide e/ou medusóide de uma estauromedusa. Os resultados serão inseridos em um contexto evolutivo proveniente de uma ampla análise filogenética molecular para a classe. Dessa forma, propomos um estudo integrado acerca da evolução em Staurozoa, subsidiando inferências para a evolução do ciclo de vida em Cnidaria. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Desastre de Mariana pode ter afetado animais marinhos pouco conhecidos 
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.