Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da infecção pelo "Batrachochytrium dendrobatidis" sobre a morfofisiologia cardíaca de girinos de rã-touro

Processo: 11/06632-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2011
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Comparada
Pesquisador responsável:Monica Jones Costa
Beneficiário:Raquel Fernanda Salla Jacob
Instituição-sede: Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Campus de Sorocaba. Sorocaba , SP, Brasil
Assunto(s):Fisiologia da conservação   Girinos   Quitridiomicose   Rã-touro   Lithobates catesbeianus   Anfíbios

Resumo

Vários estudos têm apontado para um declínio alarmante das populações de anfíbios pelo mundo todo. Dentre os fatores ocasionadores dessa redução, destaca-se a quitridiomicose, uma infecção emergente causada pelo fungo quitrídio, Batrachochytrium dendrobatidis (Bd), que infecta a pele de anfíbios anuros. De hábito predominantemente aquático, este fungo apresenta a habilidade de se espalhar rapidamente pelos ambientes, tendo a capacidade de infectar a maioria das espécies de anfíbios do mundo. Embora os mecanismos de ação pelos quais o Bd causa a infecção dos anfíbios ainda não estejam plenamente elucidados, sabe-se que a pele dos anfíbios é singular entre os demais vertebrados por estar ativamente envolvida na homeostasia e, consequentemente, a infecção pelo Bd pode afetar o equilíbrio hídrico e osmótico destes animais, reduzindo o transporte de eletrólitos essenciais à dinâmica cardíaca e, assim, comprometendo o desempenho cardíaco dos animais infectados. Ademais, já foi demonstrado que animais infectados pelo Bd morreram por parada cardíaca, evidenciando dessa forma os possíveis efeitos da infecção pelo Bd sobre a função cardíaca dos anfíbios. Neste sentido o objetivo do presente estudo é avaliar quais impactos decorrem da infecção pelo fungo causador da quitridiomicose (Bd.) sobre a morfofisiologia cardíaca de girinos de rã-touro, analisando para tanto o nível de atividade, freqüência cardíaca, função cardíaca in vitro, massa ventricular relativa e a morfologia do coração.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SALLA, RAQUEL FERNANDA; GAMERO, FERNANDO URBAN; RIBEIRO, LARISSA RODRIGUES; RIZZI, GISELE MIGLIORANZA; DAL MEDICO, SAMUEL ESPINOSA; RISSOLI, RAFAEL ZANELLI; VIEIRA, CONRADO AUGUSTO; MATHIAS SILVA-ZACARIN, ELAINE CRISTINA; LEITE, DOMINGOS SILVA; ABDALLA, FABIO CAMARGO; TOLEDO, LUIS FELIPE; COSTA, MONICA JONES. Cardiac adaptations of bullfrog tadpoles in response to chytrid infection. JOURNAL OF EXPERIMENTAL ZOOLOGY PART A-ECOLOGICAL GENETICS AND PHYSIOLOGY, v. 323, n. 7, p. 487-496, AUG 1 2015. Citações Web of Science: 7.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.