Busca avançada
Ano de início
Entree

Transdução de sinal e citoaderência na interação plasmodium-eritrócito

Processo: 11/21918-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2012
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Bioquímica de Microorganismos
Pesquisador responsável:Célia Regina da Silva Garcia
Beneficiário:Laura Nogueira da Cruz
Supervisor no Exterior: Alister Gordon Craig
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Liverpool School of Tropical Medicine (LSTM), Inglaterra  
Vinculado à bolsa:10/52428-6 - Estudo de sinalização celular no processo de citoadesão de células endoteliais por parasitas da malária, BP.PD
Assunto(s):Transdução de sinais   Interações hospedeiro-patógeno   Plasmodium   Malária   Eritrócitos

Resumo

O Plasmodium é capaz de perceber sinais do hospedeiro e modular suas funções através de maquinaria celular e receptores de membrana (Hotta, Gazarini et al. 2000; Garcia, Markus et al. 2001; Madeira, Galante et al. 2008; Koyama, Chakrabarti et al. 2009). Já as vias de sinalização de Ca2+em Plasmodium são essenciais para o desenvolvimento do parasita. Desta maneira, o ATP externo modula a interação Plasmodium-eritrócito e foi demonstrado que ATP induz aumento de Ca2+ intracelular em P. falciparum (Julio Levano-Garcia 2011). ATP também está envolvido no processo inflamatório do hospedeiro que segue a infeccção malárica (Clark, Budd et al. 2006). Interessantemente, a citoaderência dos eritrócitos infectados é regulada pela resposta inflamatória e a ligação de proteínas do Plasmodium falciparum como PfEMP1 a receptores do hospedeiro como CD36 ou ICAM1. ICAM-1 é constutivamente presente, em baixos níveis, em células endotelias e sua expressão é significamente maior na presença de citocinas pró-inflamatórias como interlecucina-1(IL-1) e fator alfa de tumor de necrose (TNF±) (Pober 2002). É importante citar que ICAM-1 está envolvida na via de sinalização JNK que afeta diversas proteínas inclusive a família bcl-2 relacionada a apoptose (Liu and Lin 2005). Outro receptor de citoaderência bastante estudado é o CD36, envolvido com ativação de MAPK e secreção de citocina pro-inflamatória. Desta maneira pretende-se investigar a função de ATP extracelular na sinalização de Ca2+ em Plasmodium e possível indução de apoptose em células de adesão endotelial através de interação com o receptor de adesão celular ICAM-1 (Intercellular adhesion molecule-1) ou CD36. (AU)