Busca avançada
Ano de início
Entree

Regulação da homeostase energética e do balanço hidromineral: das células aos sistemas fisiológicos

Processo: 14/15218-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2014
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:José Antunes Rodrigues
Beneficiário:Tatiane Vilhena Franco
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/09799-1 - Regulação da homeostase energética e do balanço hidromineral: das células aos sistemas fisiológicos, AP.TEM
Assunto(s):Neuroendocrinologia   Ritmos biológicos   Inativação gênica

Resumo

O hipotálamo é essencial na manutenção do volume e tonicidade do fluido extracelular e na homeostase energética. Neste estudo, objetivamos esclarecer a participação dos componentes neuronal e glial na resposta integrativa, bem como a participação dos principais neutransmissores, neuromoduladores, neuropeptídeos e hormônios no controle neuroendócrino da ingestão e excreção de água/sódio e da ingestão de alimentos. Considerando-se que fatores nutricionais e hormonais maternos influenciam fortemente a programação fetal/neonatal com repercussões na vida adulta, avaliaremos, em ratos, os efeitos da sobrecarga salina na gestação e lactação e suas repercussões para a integridade das respostas neuroendócrinas na vida adulta. Investigaremos ainda a participação de mediadores centrais do apetite e fatores periféricos como insulina, leptina, ghrelina, adiponectina, colecistocinina, glicocorticóides e estrógenos na homeostase energética em modelos de adrenalectomia bilateral, ovariectomia e tolerância à endotoxina (LPS). O pico de secreção dos glicocorticóides ocorre de acordo com o padrão alimentar da espécie, antecipando o momento de maior ingestão alimentar e indicando complexa interação entre o eixo hipotálamo-hipófise-adrenal (HPA), o sistema nervoso central e o estado nutricional. O hipotálamo atua como centro integrativo da ritmicidade circadiana, da regulação da secreção de glicocorticóides e do balanço energético, desencadeando respostas neuroendócrinas e comportamentais que modulam esses sistemas. Assim, valiaremos, em ratos submetidos a diferentes padrões de alimentação, a expressão dos genes relacionados ao sistema temporizador circadiano e sua correlação com a expressão dos peptídeos orexígenos e anorexígenos. Avaliaremos, também, no rato após o nascimento, a ontogenia da ritmicidade da expressão dos genes do sistema "Clock" central e periférico e sua correlação com a ontogenia da variação diurna da secreção de corticosterona. Portanto, a presente proposta, utilizando modelos experimentais in vivo e in vitro, visa avaliar de maneira integrada, da molécula aos sistemas, os aspectos fisiológicos e fisiopatológicos do controle da homeostase energética e do balanço hidroeletrolítico.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VILHENA-FRANCO, TATIANE; MECAWI, ANDRE SOUZA; ALMEIDA-PEREIRA, GISLAINE; LUCIO-OLIVEIRA, FABIANA; KAGOHARA ELIAS, LUCILA LEICO; ANTUNES-RODRIGUES, JOSE. Oestradiol acts through its beta receptor to increase vasopressin neuronal activation and secretion induced by dehydration. Journal of Neuroendocrinology, v. 31, n. 4 APR 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.