Busca avançada
Ano de início
Entree

Contribuições articulares do complexo do ombro e coluna cervical de crianças com paralisia obstétrica do plexo braquial durante tarefas de alcance

Processo: 15/16254-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2015
Vigência (Término): 30 de novembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Anamaria Siriani de Oliveira
Beneficiário:Daiane Lazzeri de Medeiros
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Crianças   Neuropediatria   Biomecânica   Reabilitação (terapêutica médica)

Resumo

A paralisia obstétrica do plexo braquial (POPB) é uma paresia hipotônica do membro superior decorrente da tração unilateral do plexo braquial ao nascimento levando à fraqueza do bíceps, deltóide e rotador externo do ombro, com eventual desenvolvimento de contraturas em rotação interna do ombro e flexão do cotovelo. Essas condições geram limitações da amplitude do ombro e cotovelo e fazem com que essas crianças utilizem padrões compensatórios para realizar atividade de alcance necessárias para realizar tarefas funcionais. Esse projeto tem dois objetivos: A) Relacionar a função do membro superior, atividades funcionais e de participação e o grau de satisfação e bem estar de crianças com POPB. B) Comparar os padrões de movimento compensatórios do complexo articular do ombro e coluna cervical durante tarefas de alcance necessárias para desempenhar tarefas funcionais entre crianças com POPB e típicas. Serão avaliadas 30 crianças com diagnóstico de POPB e 30 crianças típicas. Para avaliar a função do membro superior será utilizada a escala Mallet modificada, a qualidade de vida, atividades funcionais e de participação relacionadas a rotina diária será verificada por meio do Peadiatric Outcomes Data Collection Instrument (PODCI) e o grau de saúde, satisfação e bem estar mediante o Child Health Questionnaire (CHQ). Para análise tridimensional do complexo articular do ombro e da coluna cervical será utilizado o sistema eletromagnético 3SPACE® Liberty® (Polhemus Inc.). Será avaliado o repouso e durante três tarefas de alcance do membro superior necessárias para desempenhar tarefas funcionais: colocar a mão no ponto mais alto da cabeça, alcançar uma bola no plano acima da cabeça e colocar a mão no bolso traseiro da calça. (1). Além disso, serão avaliadas as cinco posições da escala Mallet modificada: abdução, rotação externa, colocar a mão na nuca, colocar a mão no mais alto possível sobre a coluna vertebral e colocar a mão na boca. Os resultados contribuirão para a compreensão do quanto a função do membro superior está relacionada a atividades de participação e ao grau de satisfação e bem estar dessas crianças. E ainda, proporcionará o entendimento da biomecânica do complexo articular do ombro e sua relação com a coluna cervical durante tarefas de alcance. (AU)