Busca avançada
Ano de início
Entree

'Eph' hêmin', determinismo e responsabilidade moral em Aristóteles

Processo: 15/22490-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2016
Vigência (Término): 31 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia - História da Filosofia
Pesquisador responsável:Marco Antônio de Ávila Zingano
Beneficiário:Dionatan Acosta Tissot
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/05317-8 - Teorias da causalidade e ação humana na filosofia grega antiga, AP.TEM
Assunto(s):Causalidade

Resumo

Na teoria aristotélica da ação, a expressão eph' hêmin (depende de nós), que se refere à capacidade de um agente de fazer ou não fazer uma ação, assume um papel central ligado à noção de responsabilidade moral. A pesquisa a ser desenvolvida, então, buscará esclarecer a relação entre eph' hêmin e responsabilidade moral frente a uma dificuldade: certo determinismo nas ações humanas (seja ele causal, seja ele psicológico) que parece se depreender de várias passagens das Ethicae, bem como de outros momentos do Corpus Aristotelicum. Nesse sentido, a partir de uma leitura exegética e analítica das obras de Aristóteles, o trabalho buscará dissolver tais dificuldades e alocar corretamente a noção de eph' hêmin no quadro geral de sua teoria da ação e da responsabilidade moral. (AU)