Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação dos mecanismos de fosforilação do PPARy e suas relações com o recrutamento de correpressores

Processo: 16/13480-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2016
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Química de Macromoléculas
Pesquisador responsável:Ana Carolina Migliorini Figueira
Beneficiário:Thaís Helena Tittanegro
Instituição-sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/12314-0 - Inibição da fosforilação em LXR alfa - uma avaliação dos efeitos sobre a expressão de genes alvos e a relação de crosstalk entre PPAR gama e LXR alfa, BE.EP.MS
Assunto(s):Receptores citoplasmáticos e nucleares   Diabetes mellitus   Proteínas

Resumo

Os receptores ativos por proliferador de peroxissomos gama (PPAR³) são umpotencial alvo para a classe das tiazolidinedionas (TZD) conhecida também por glitazona,droga esta responsável pela sensibilização à insulina em pacientes que apresentam DiabeteMellitus tipo 2. No entanto sua utilização vem sendo administrada com bastante cautela pordecorrência dos seus principais efeitos colaterais, tais como o ganho de peso, retenção delíquido, perda óssea, hemodiluição e falência cardíaca apresentada em mais de 15% dospacientes. Recentemente estudos demonstraram que a ação deste fármaco ocorreprincipalmente pela inibição da quinase dependente de ciclina (Cdk5) que realiza afosforilação do resíduo Ser273 do PPAR³, causando a sensibilização à insulina. Mas estemedicamento também ocasiona a ativação do NR acarretando nos efeitos secundáriosindesejáveis como o aumento do tecido adiposo, através da adipogênese reguladaespecificamente pelo PPAR³. Na busca pelo ligante ideal ao NR, abre-se um amplo campode pesquisa, onde se busca uma molécula capaz de se ligar ao PPAR³ sem causar a suaativação, mas que também seja capaz de proteger o sítio do resíduo Ser273 contra afosforilação pela Cdk5. Para tanto é necessário elucidar qual a verdadeira correlação entreos mecanismos de fosforilação do resíduo Ser273 e os mecanismos de recrutamento decorrepressores, estes recrutados quando o PPAR³ não está ligado a nenhum ligante.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.