Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização e análises de nanopartículas proteicas com AlClPc e nanopartículas magnéticas em associação com biopolímero de hidrogel para uso no tratamento de doenças neurológicas

Processo: 16/21504-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 27 de fevereiro de 2017
Vigência (Término): 26 de agosto de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Antonio Claudio Tedesco
Beneficiário:Tácila Gabriele Lopes
Supervisor no Exterior: Alain Ponton
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : Université Paris Diderot - Paris 7, França  
Vinculado à bolsa:15/09125-6 - Uso de nanocarreadores poliméricos e fotoativos no diagnóstico e tratamento de doenças neurodegenerativas, BP.MS
Assunto(s):Sistema nervoso central   Nanotecnologia

Resumo

Este projeto de pesquisa está diretamente associado ao projeto de mestrado, intitulado "Uso de Nanocarreadores poliméricos e fotoativos no diagnóstico e tratamento de Doenças Neurodegenerativas" sob processo de número FAPESP 2015/09125-6, e também assistirá na complementariedade de sua conclusão. Nos últimos anos, houve avanços na área da nanotecnologia para o desenvolvimento de nanodispositivos que são biodegradáveis e biocompatíveis e com elevado potencial em aplicações biomédicas e diagnósticas. Ferrofluidos são uma nova geração de fármacos coloidais compostas por dispersões de nanopartículas magnéticas inteligentes (MNps) suspenso em uma base de fluido magnético com propriedades reológicas, a qual estuda comportamento de fluxo e a deformação dos materiais sujeitos a variáveis mecânica tais como força, velocidade e deflexão. Estes MNps têm propriedades theranostic (ao mesmo tempo tem proposta terapêutica e diagnóstico) e mostram uma alta especificidade no seu direcionamento para o tecido alvo, quando sujeitos à aplicação de um campo magnético externo que conduz um processo de hipertermia magnética. Outra propriedade dessas nanopartículas, é que elas podem ser usadas como agentes de contraste, devido à alta sensibilidade de imagem de ressonância magnética. Por tanto, acreditamos que, em consonância com a ideia inicial do projeto de mestrado, este projeto abrirá a possibilidade de estudar nanocarreadores à base de albumina associado com MNPS e AlClPC, e sua subsequente interação com o sistema de biopolímero à base de hidrogel, visando, no futuro , não apenas nos nossos objetivos iniciais, como um sistema nervoso central (SNC), mas também irá permitir muitas outras aplicações biomédicas deste material. Para estudos desses biomateriais, será realizada a caracterização e análise por distribuições de medida do tamanho e potencial zeta, análises reológicas, propriedades microscópicas e espectrométricas. A pesquisa desenvolvida será feita no laboratório do Professor Alain Ponton, na Université Paris Diderot. Em suma, este projeto não deixa dúvida para o mundo científico sobre a potencialidade, relevância e inovação para conectar nanotecnologia, fotoprocesso e as propriedades magnéticas no tratamento de doenças neurológicas, e ainda abre a possibilidade de projetos com futura colaboração a longo prazo no mesmo campo de pesquisa.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CASTILHO-FERNANDES, ANDRIELLE; LOPES, TACILA G.; PRIMO, FERNANDO L.; PINTO, MARCELO R.; TEDESCO, ANTONIO C. Photodynamic process induced by chloro-aluminum phthalocyanine nanoemulsion in glioblastoma. Photodiagnosis and Photodynamic Therapy, v. 19, p. 221-228, SEP 2017. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.