Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito combinado de agonistas GLP-1 e GPRS 40 e 120 no tratamento da obesidade experimental

Processo: 17/14298-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Licio Augusto Velloso
Beneficiário:Letícia da Silva Pires
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07607-8 - CMPO - Centro Multidisciplinar de Pesquisa em Obesidade e Doenças Associadas, AP.CEPID
Assunto(s):Endocrinologia   Obesidade

Resumo

Fundamentação: A obesidade é um distúrbio metabólico multifatorial com prevalência aumentada em todo o mundo. O tratamento farmacológico ainda não atendeu a segurança, eficácia e manutenção sustentável de perda de peso. Estudos recentes demonstram que a ativação combinada de GPR40 e GPR120 pode contribuir no tratamento da obesidade, já que neurônios POMC (que fornecem sinais anorexigênicos no hipotálamo) expressam o receptor GLP-1 e GPR40 e que o GPR120 está expresso na microglia. Utilizar ligantes de alta afinidade e seletividade permite explorar funções farmacológicas e desenvolver potenciais alvos terapêuticos.Objetivo: Avaliar o efeito da combinação de agonistas de GPR40 e GPR120 (simples ou duplo) com agonista de GLP-1 para o tratamento da obesidade experimental.Materiais e métodos: Camundongos machos Swiss, em dieta hiperlipídica por 8 semanas, receberão veículo; agonista de GLP-1 somente ou com agonista de GPR40 e GPR120 (agonista simples ou duplo) via intracerebroventricular (ICV) por 14 dias. Ingestão alimentar; evolução ponderal; determinação da massa adiposa; expressão gênica de neurônios POMC e citocinas inflamatórias; testes de tolerância a glicose, insulina e leptina; respirometria; e composição das fezes serão avaliados. Os valores expressos como média ± desvio padrão serão analisados por teste T (2 grupos) ou análise de variância (One-wayANOVA) com teste de significância (Bonferroni test), comparando grupos experimentais. O nível de significância será p<0,05.Perspectivas: A combinação dos três agonistas (GLP-1, GPR40 e GPR120) pode ter um efeito positivo a longo prazo na obesidade, reduzindo a ingestão alimentar e a inflamação induzida pela dieta.