Busca avançada
Ano de início
Entree

Conceber, gestar, parir e nutrir: corpo e socialidade entre mulheres alto-xinguanas

Processo: 17/12972-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2017
Vigência (Término): 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Etnologia Indígena
Pesquisador responsável:Antonio Roberto Guerreiro Júnior
Beneficiário:Aline de Paula Regitano
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/26676-0 - Sistemas regionais ameríndios em transformação: o caso do Alto Xingu, AP.JP
Bolsa(s) vinculada(s):18/12599-8 - Ontogênese e parto entre mulheres Mehinako, BE.EP.MS
Assunto(s):Saúde de populações indígenas   Saúde da mulher   Indígenas   Etnografia   Amazônia   Gravidez   Estudos de gênero

Resumo

O objetivo desta pesquisa é realizar uma etnografia da gestação, do parto e do pós-parto no Alto Xingu, a partir das relações das mulheres com seus corpos e os corpos de seus filhos. O foco incidirá sobre duas questões empíricas principais: a) as ideias e práticas relacionadas à gestação, ao parto e aos cuidados com os bebês; e b) as zonas de interferência das compreensões e práticas indígenas e biomédicas acerca dos processos do nascer, que têm sido foco de parte da atuação política de mulheres alto-xinguanas no que tange à saúde da mulher. Pretende-se fornecer subsídios para refletir criticamente a respeito da saúde da mulher indígena, bem como contribuir com o debate de gênero na Amazônia.