Busca avançada
Ano de início
Entree

Síntese de micropartículas poliméricas via processo microfluídico de gotas para a liberação sustentada de vetores não virais aplicados em terapia gênica

Processo: 17/20341-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2018
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Lucimara Gaziola de la Torre
Beneficiário:Bruna Gregatti de Carvalho
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/20206-8 - Modulação de monócitos, macrófagos e pericitos pelos genes dos fatores estimuladores de colônia para tratamento de isquemia de membros em modelo murino, AP.TEM
Assunto(s):Biopolímeros   Microfluídica   Terapia genética

Resumo

Este projeto de pesquisa visa o desenvolvimento de blendas poliméricas, formadas por alginato/fibroína de seda e alginato/sulfato de condroitina, para síntese de micropartículas híbridas de hidrogéis. As micropartículas híbridas serão utilizadas como microcarregadores para liberação sustentada de sistemas não-virais para terapia gênica. A terapia gênica é um tratamento feito através da transferência de um material genético por meio da transfecção ou transdução das células, que necessita de sistemas específicos de entrega, assim como, os vetores virais e não-virais. Neste projeto, será utilizado um DNA modelo que será incorporado em lipossomas catiônicos (LCs) antes de ocorrer a microencapsulação. Os lipossomas são vesículas semelhantes às membranas celulares formadas a partir da auto-agregação de lipídios anfifílicos. Os LCs serão produzidos em microfluídica com fluxo de focalização hidrodinâmica, e complexados com DNA plasmidial (pDNA) (LC-DNA), que codifica a proteína Green Fluorescent Protein (GFP), como modelo. Os microcarregadores para encapsulamento dos LC-pDNA serão obtidos via processo microfluídico de gotas. A microfluídica de gotas é uma ferramenta promissora para formação dessas estruturas, sendo possível controlar o tamanho, polidispersidade, formato e a estrutura interna das micropartículas. Na primeira etapa desse trabalho serão sintetizadas as micropartículas híbridas em microcanais, sendo comparadas com o processo convencional em bulk. Ao final dessa etapa serão avaliadas as propriedades físico-químicas e mecânicas das micropartículas formadas. Na segunda etapa, a eficiência da encapsulação e da cinética de liberação com uma molécula modelo serão avaliadas. Na última etapa, as micropartículas serão utilizadas como microcarregadores para liberação sustentada de LCs para transfecção de células animais. A eficiência da transfecção das células será determinada pelo nível de expressão de GFP por microscópio de fluorescência e será comparada com métodos convencionais. Espera-se, ao término deste projeto, contribuir na área de microfluídica de gotas, microencapsulação, liberação sustentada e terapia gênica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARVALHO, BRUNA G.; VIT, FRANCIELE F.; CARVALHO, HERNANDES F.; HAN, SANG W.; DE LA TORRE, LUCIMARA G.. Layer-by-Layer Biomimetic Microgels for 3D Cell Culture and Nonviral Gene Delivery. Biomacromolecules, . (18/18523-3, 15/20206-8, 18/19537-8, 17/20341-8)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.