Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação diferencial de proteínas de urina em pacientes infartados e tratados com diferentes combinações de fármacos

Processo: 17/26207-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Aline Soriano Lopes
Beneficiário:Isabela Carvalho Lobo de Araujo
Instituição-sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Assunto(s):Infarto   Urina   Proteômica   Biomarcadores   Expressão de proteínas

Resumo

Estudos envolvendo pacientes que sofreram infarto agudo do miocárdio a nível molecular fornece uma nova visão sobre o conhecimento da expressão clínica e patológica da doença. Atualmente, avanços tecnológicos na plataforma conhecida como proteômica permite a avaliação de mudanças sistemáticas na expressão proteica em diversos sistemas biológicos e tem sido aplicada extensivamente a doenças cardiovasculares. O sistema cardiovascular está em permanente contato com o sangue, fazendo deste fluido biológico a estratégia mais usada para a descoberta de novos biomarcadores. Em contrapartida, a urina, uma amostra não invasiva, tem sido pouco explorada e pode se apresentar como uma alternativa eficaz para a avaliação de condições crônicas, fazendo do proteoma da urina um universo de novos biomarcadores, estabelecendo estratégias de detecção precoce e monitoramento a uma terapia. Ainda, o perfil proteico da urina em resposta a diferentes fármacos apresenta-se alterado, permitindo auxiliar na compreensão da evolução da patologia e do efeito farmacocinético de estatinas e antiplaquetários, usados no tratamento do infarto. Dentro deste cenário, o objetivo do projeto é avaliar a expressão proteica da urina utilizando diferentes abordagens analíticas a fim de fornecer novos conhecimentos dentro da patofisiologia vascular e do infarto agudo do miocárdio aliado a diferentes estratégias terapêuticas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)