Busca avançada
Ano de início
Entree

Desempenho físico-mecanico de painéis OSSB (oriented structural Straw board) produzidos com palha de soja e adesivo poliuretano à base de óleo de mamona

Processo: 18/00801-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2018
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Cristiane Inácio de Campos
Beneficiário:João Vítor Felippe Silva
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEG). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Guaratinguetá. Guaratinguetá , SP, Brasil
Assunto(s):Materiais compósitos

Resumo

Os painéis OSSB (Oriented Structural Straw Board) foram desenvolvidos no final do século XX, entretanto, sua produção em larga escala só teve início em 2009 na China. A matéria-prima utilizada na produção é palha de trigo e adesivo polimérico isocianato (pMDI) e a aplicação deste compósito tem sido na construção civil como elemento estrutural, na fabricação de pisos e na indústria moveleira. O principal conceito por trás desta tecnologia é o uso de resíduos de origem agrícola e de adesivo que não libera formaldeído no ambiente, visto que estes painéis tem sido utilizados na construção e nos mobiliários de hospitais e creches. No Brasil, uma alternativa como fonte de matéria-prima para a fabricação deste compósito é a palha de soja, visto que o país é o segundo maior produtor mundial do grão, e adesivo de origem vegetal, como é o caso da resina poliuretana à base de óleo de mamona. Desta forma, o desenvolvimento de um produto que se utilize de matérias-primas nacionais traria mais uma fonte de renda para o produtor rural, além de fornecer mais uma opção de produto compósito que tem tido boa receptividade no mercado internacional além de agregar valor a um resíduo hoje descartado. Sendo assim, pretende-se produzir painéis OSSB com palha de soja e adesivo poliuretano à base de óleo de mamona e caracterizar em relação às propriedades físicas e mecânicas de acordo com documentos normativos internacionais, visando aplicações na construção civil e indústria moveleira. (AU)