Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da forma, estrutura e composição óssea e sua relação com o estado nutricional em pacientes portadores de síndrome do intestino curto (SiC)

Processo: 07/53422-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Vivian Marques Miguel Suen
Beneficiário:Letícia Bizari
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Estado nutricional   Climatério

Resumo

Indivíduos que sofreram isquemia mesentérica, levando ao infarto mesentérico e foram submetidos a ressecções extensas de intestino delgado, evoluem para um quadro conhecido como síndrome do intestino curto (SIC). Apesar das adaptações que o intestino remanescente sofre, a perda de nutrientes é muito significativa, podendo levar esses pacientes a um quadro de desnutrição protéico-calórica grave; mas esse quadro pode ser amenizado com o uso da nutrição parenteral (NP). No entanto, esses pacientes enterectomizados apresentam deficiências de vitaminas e minerais, destacando-se a deficiência de cálcio, que pode ser mais prevalente ainda em mulheres no período do climatério que sofrem da SIC. Portanto, o estudo da micro-arquitetura óssea é muito importante nesse grupo de pacientes para evidenciar alterações ósseas decorrentes da deficiência de cálcio. Serão recrutados os pacientes portadores de síndrome do intestino curto, já atendidos no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto; os quais serão submetidos à: anamnese alimentar, avaliação antropométrica, entrevista para avaliar fatores de risco associados à osteoporose, avaliação do nível de atividade física e da qualidade e quantidade óssea através do aparelho DBM Sonic BP da IGEA s.r.l., Carpi, Italy, modelo de 3ª geração, dotado com Inteligência Artificial Fuzzy Logic. (AU)