Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de parâmetros farmacêuticos em comprimidos matriciais empregando a técnica de Biosusceptometria AC

Processo: 09/02444-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2009
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica
Pesquisador responsável:José Ricardo de Arruda Miranda
Beneficiário:Maria Teresa de Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Administração oral   Biosusceptometria de corrente alternada   Comprimidos   Sistemas de liberação de medicamentos

Resumo

A administração oral de fármacos é uma prática comum na terapia e, para tal, as formas farmacêuticas sólidas são as mais amplamente utilizadas. A variação no perfil de absorção ao longo do trato gastrintestinal humano e a possibilidade de liberar fármacos em suas diferentes regiões representam grandes desafios para o desenvolvimento de novos produtos. A Biosusceptometria de Corrente Alternada (BAC) é uma técnica que merece destaque por suas características, precisão dos resultados obtidos e versatilidade. A proposta deste projeto é avaliar, por meio da BAC, força desenvolvida e absorção de água, um sistema matricial constituído por polímero hidrofílico (hidroxipropilmetilcelulose) e material magnético. Os comprimidos matriciais serão avaliados in vitro visando uma análise mais detalhada da cinética de intumescimento e erosão, além do estudo e aplicação de modelos matemáticos para correlacionar esses parâmetros com a força desenvolvida e a absorção de água. Todos os procedimentos de análise qualitativa e quantitativa dos sinais digitalizados, além da obtenção e processamento das imagens magnéticas serão realizados em ambiente MatLab® (Mathworks Inc.), além da aplicação da distribuição de Weibull, de acordo com o modelo proposto por Pena Romero et al, que avaliará a relação entre variação da área nas imagens magnéticas no tempo, a taxa de intumescimento e a força desenvolvida durante esse processo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)