Busca avançada
Ano de início
Entree

Bioprospecção de Stryphnodendron adstringens Mart. à procura de acessos com potencial antimicrobiano contra linhagens selvagem e mutante do dermatófito Trichophyton rubrum e cepas de bactérias gram positivas e gram negativas

Processo: 08/00762-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2008
Vigência (Término): 30 de abril de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Ana Lucia Fachin Saltoratto
Beneficiário:Giovana Maria Lanchoti Fiori
Instituição-sede: Universidade de Ribeirão Preto (UNAERP). Campus Ribeirão Preto. Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Plantas medicinais   Anti-infecciosos   Bioprospecção   Trichophyton rubrum   Stryphnodendron adstringens

Resumo

Em humanos, as infecções provocadas por fungos e bactérias têm aumentado drasticamente nos últimos anos. O tratamento das micoses tem se baseado na terapia utilizada contra bactéria e poucos antifúngicos são disponíveis em relação aos antibacterianos. Além disso, a terapêutica utilizada contra microrganismos nem sempre produz resultados efetivos, tendo em vista que os fármacos disponíveis causam resistência ou produzem recorrência, apresentando, por sua vez, importante toxicidade. Desta forma, a pesquisa por novas drogas antibióticas é extremamente necessária. Por isso, há uma busca incessante de novos fármacos antimicrobianos mais potentes, mas, sobretudo, mais seguros que os existentes. Em que pese o fato de a maioria dos medicamentos antimicrobianos existentes no mercado serem de origem sintética, as pesquisas e estudos de produtos naturais voltaram a receber a atenção dos cientistas. Entre as principais ferramentas na busca de novos modelos moleculares estão à informação de como as plantas são utilizadas por diferentes grupos étnicos e o estudo farmacológico das preparações utilizadas. O Stryphnodendron adstringens é uma espécie, popularmente conhecida como barbatimão, muito utilizada pela população brasileira, principalmente como cicatrizante e antibacteriano. O decocto das cascas do barbatimão é amplamente utilizado pela medicina popular no tratamento de corrimentos vaginais, hemorragias, diarréia e hemorróidas. O dermatofito T.rubrum que normalmente provocava micoses superficiais bem caracterizadas, vem causando infecções em regiões não usuais do corpo, atuando de modo invasivo principalmente em pacientes imunodeprimidos. O gene TruMDR2 que codifica um transportador do tipo ABC foi clonado e rompido neste fungo, gerando uma linhagem mutante que apresentou sensibilidade para diversos compostos químicos não relacionados, o que é uma evidência da participação deste gene no mecanismo de múltipla resistência a drogas. Assim, mutantes com os genes ABC nocauteados, sensíveis a drogas, podem ser utilizados como instrumentos para ensaiar novos compostos com atividade fungitóxica específica. Deste modo o objetivo deste projeto é realiza uma bioprospecção em acessos de S. adstringens de 12 municípios localizados em três estados brasileiros com vistas à obtenção de amostras vegetais com grande potencial antimicrobiano contra linhagens (selvagem e mutante) do dermatófito Trichophyton rubrum e cepas de bactérias gram positivas e gram negativas.