Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos de um programa de atividade fisica no grau de cifose toracica e no nivel de dor de mulheres com osteoporose, visando a melhoria da qualidade de vida.

Processo: 01/09718-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2001
Vigência (Término): 31 de outubro de 2002
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Jorge Oishi
Beneficiário:Renata Neves Granito
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Dor   Atividade física   Qualidade de vida   Osteoporose

Resumo

A osteoporose é uma doença sistêmica caracterizada por uma perda gradual de massa óssea. A fratura é a principal consequência da osteoporose, sendo mais comum a vertebral. A diminuição de densidade óssea das vertebras pode levar a uma série de deformidades na coluna e modificações posturais, entre elas um aumento da cifose dorsal. Dentre as várias consequências trazidas por essas deformidades destacam-se episódios de dor, que podem comprometer a qualidade de vida dos indivíduos. Com isso, torna-se cada vez mais importante a adoção de medidas que visem a prevenção e a reabilitação das limitações impostas por esta doença. Nesse contexto, destaca-se a atividade física, uma vez que vários estudos vêm comprovando os efeitos benéficos que a sua prática regular traz aos indivíduos com osteoporose. Este trabalho tem como objetivo verificar os efeitos de um programa de exercícios no grau de cifose torácica, no nível de dor e na qualidade de vida de mulheres com osteoporose. Serão avaliadas 15 mulheres com diagnóstico de osteoporose na coluna vertebral. As voluntárias serão submetidas a uma avaliação postural, na qual será mensurado o grau de cifose torácica, e responderão a questionários específicos de dor e qualidade de vida. Em seguida, será realizado o treinamento físico durante 3 meses. Ao término desse período, as voluntárias serão reavaliadas para que se possa verificar a eficácia da atividade física. (AU)