Busca avançada
Ano de início
Entree

Simulação computacional empregando o Método de Monte Carlo em dosimetria experimental com microesferas de vidro ativadas por nêutrons para aplicação em braquiterapia

Processo: 06/04188-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2007
Vigência (Término): 09 de agosto de 2009
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Nuclear
Pesquisador responsável:Jose Roberto Martinelli
Beneficiário:Carla da Costa Guimaraes
Instituição-sede: Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Dosimetria   Radioterapia   Braquiterapia   Simulação por computador   Método de Monte Carlo

Resumo

Este projeto propõe determinar, usando modelagem matemática, a distribuição de dose no fígado humano quando microesferas de vidro ativadas por nêutrons são aplicadas diretamente na artéria que irriga o órgão. Para isso, pretende-se modelar matematicamente o fígado e tecidos vizinhos bem como a fonte de irradiação (microesferas). A partir dos resultados desta modelagem pretende-se calcular o equivalente de dose no órgão e mapear a distribuição da dose absorvida na região lesada com maior precisão empregando o Método de Monte Carlo. Para isto, propõe-se a implementação do método de cálculo de equivalente de dose de acordo com um modelo previamente proposto. Além disso, pretende-se comparar os resultados de distribuição de dose empregando a modelagem matemática com aqueles obtidos experimentalmente com o uso de objetos simuladores do fígado e tecidos vizinhos. Neste caso, a dose absorvida no objeto simulador será obtida com dosímetros termoluminescentes TLD-100, que são dispositivos de medição de doses de radiação. Futuramente, pretende-se direcionar este estudo para aplicações in vitro no tratamento de tumores malignos e nesta situação é de fundamental importância a dosimetria precisa da região irradiada pelas microesferas uma vez que, a diferença percentual entre a dose absorvida em um ponto de referência do tumor e a dose prescrita pelo médico-radioterapeuta para o mesmo ponto deve ser menor do que 5%. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GUIMARAES, CARLA C.; MORALLES, MAURICIO; SENE, FRANK F.; MARTINELLI, JOSE R. Dose-rate distribution of P-32-glass microspheres for intra-arterial brachytherapy. Medical Physics, v. 37, n. 2, p. 532-539, FEB 2010. Citações Web of Science: 7.
GUIMARÃES‚ C.C.; MORALLES‚ M.; SENE‚ F.F.; MARTINELLI‚ J.R. Dose-rate distribution of P-glass microspheres for intra-arterial brachytherapy. Medical Physics, v. 37, p. 532, 2010.
YORIYAZ‚ H.; MORALLES‚ M.; SIQUEIRA‚ P.T.D.; DA COSTA GUIMARÃES‚ C.; CINTRA‚ F.B.; DOS SANTOS‚ A. Physical models‚ cross sections‚ and numerical approximations used in MCNP and GEANT4 Monte Carlo codes for photon and electron absorbed fraction calculation. Medical Physics, v. 36, p. 5198, 2009.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.