Busca avançada
Ano de início
Entree


Avaliação do funcionamento de uma instalação de filtração direta descendente com taxa declinante variável em escala real e piloto

Texto completo
Autor(es):
Elizabeth Regina Halfeld da Costa
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São Carlos.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Escola de Engenharia de São Carlos
Data de defesa:
Membros da banca:
Luiz Di Bernardo; Renato Machado; Carlos Gomes da Nave Mendes; Bernardo Arantes do Nascimento Teixeira; Jorge Arboleda Valencia
Orientador: Luiz Di Bernardo
Resumo

Um sistema de filtração rápida com taxa declinante variável devidamente projetado e operado pode funcionar como uma alternativa econômica e prática uma vez que este tipo de sistema dispensa equipamentos de controle de vazão e de nível, diminuindo o custo da obra e simplificando a operação. Várias são as formas encontradas por pesquisadores para o estudo de sistemas, mas a grande maioria os pesquisou em escala piloto; alguns modelaram a hidráulica do sistema tentando obter parâmetros de projeto, outros utilizaram métodos gráficos que permitem visualizar o que acontece teoricamente nesses sistemas, mas poucos são os trabalhos desenvolvidos em escala real. O sistema de filtração com taxa declinante variável, na realidade, é bastante simples, mas, na maior parte das vezes, uma implantação inadequada pode dificultar a operação e por consequência tornar o processo complexo e pouco eficiente. Este trabalho consistiu em desenvolver uma metodologia de trabalho que permite estudar esses sistemas em escala real por meio de simulações numa instalação piloto com características similares à de instalação em escala real com o intuito de se obterem as condições mais adequadas de operação do sistema. O trabalho ressalta as dificuldades encontradas numa instalação com filtração direta descendente e taxa declinante variável em escala real, quando seu funcionamento ocorre sem uma operação prévia, na qual os equipamentos e o sistema deveriam ter sido devidamente ajustados.O desenvolvimento desse trabalho resultou em uma metodologia que permite obter parâmetros de projeto de um sistema com taxa declinante variável a partir de uma instalação piloto constituída de um único filtro, levando-se em conta a área de armazenamento a montante dos filtros. (AU)

Processo FAPESP: 96/02815-4 - Filtração direta descendente em filtro de camada única de areia uniforme modelação, análise e pesquisa operacional
Beneficiário:Elizabeth Regina Halfeld da Costa
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado