Busca avançada
Ano de início
Entree


Os elementos dramáticos e literários no Górgias de Platão

Texto completo
Autor(es):
Luiz Eduardo Gonçalves Oliveira Freitas
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Data de defesa:
Membros da banca:
Marco Antonio de Avila Zingano; Roberto Bolzani Filho; Fernando Decio Porto Muniz
Orientador: Marco Antonio de Avila Zingano
Resumo

Platão constrói sua argumentação filosófica no Górgias sobre um pano de fundo dramático intenso, em que Sócrates discute, ao longo de três \"atos\", questões que versam sobre a natureza da retórica, da justiça, da felicidade e do prazer. Sócrates discute com três interlocutores que defendem a prática da retórica; ao levá-los, pela vergonha, à refutação de suas posições, o protagonista do diálogo deslegitima a prática, relacionando-a ao prazer, em detrimento do bem, e defendendo a filosofia como a única prática política legítima. Esta dissertação tem como objetivo analisar o papel dos elementos dramáticos e literários presentes no Górgias. Defendo a tese de que ao considerar a integração entre os procedimentos literários e dramáticos e os argumentos no texto, notada, por exemplo, a partir da centralidade do tema da vergonha, somos capazes de oferecer uma compreensão mais completa sobre a definição da filosofia enquanto boa retórica alternativa. (AU)

Processo FAPESP: 14/05224-7 - Os elementos dramáticos e literários no Górgias de Platão: recepção e conversão
Beneficiário:Luiz Eduardo Gonçalves Oliveira Freitas
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado