Busca avançada
Ano de início
Entree


Tamanho populacional, razão sexual e uso do habitat por uma população de mutum-do-sudeste (Crax blumenbachii Spix, 1825) reintroduzida em Ipaba, MG

Texto completo
Autor(es):
Joana Carvalhaes Borba de Araujo
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: Ribeirão Preto.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Data de defesa:
Membros da banca:
Adriano Garcia Chiarello; Wesley Rodrigues Silva; Luis Fábio Silveira
Orientador: Adriano Garcia Chiarello
Resumo

A fragmentação e a redução do habitat são as principais causas do declínio populacional e de biodiversidade no mundo, seguidas pela sobrecaça. Essas perturbações levaram a família Cracidae ao posto de família de aves mais ameaçada das Américas. Diversos programas de reintrodução já foram conduzidos com cracídeos no Brasil, a começar pela reintrodução do mutum-do-sudeste (Crax blumenbachii Spix, 1825) na Fazenda Macedônia (FM) em Ipaba, MG. O objetivo deste trabalho foi estimar o tamanho e a densidade populacional e a razão sexual dos mutuns existentes na FM e analisar o uso da paisagem pela espécie. Os dados foram coletados ao longo de 6 meses por transecção linear (esforço amostral: 280 km) e analisados segundo protocolos de amostragem por distância linear e ocupação. O tamanho populacional foi estimado em 34 (10 111) indivíduos e a densidade em 2,36 (1,58 7,79) indivíduos/km². Entretanto, a proporção de área utilizada foi estimada em 21%, indicando que a densidade para as áreas realmente ocupadas pode ser mais alta. A intensidade de uso da área parece estar correlacionada principalmente à densidade do sub-bosque e à oferta de suplementação alimentar. A taxa de crescimento populacional foi estimada em -0,047 (-0,137 0,018), o que indica um declínio. É possível que este declínio esteja ligado ao tamanho reduzido da população, que a torna mais susceptível à estocasticidade demográfica, ambiental e genética e ao efeito Allee. Os mesmos fatores também podem estar provocando um desvio na razão sexual, estimada em 0,35 (0,20 0,47). (AU)

Processo FAPESP: 13/08009-7 - Tamanho populacional, razão sexual e ocupação da paisagem de uma população de mutum-do-sudeste (Crax blumenbachii Spix, 1825) reintroduzida na RPPN fazenda Macedônia, Ipaba, mg
Beneficiário:Joana Carvalhaes Borba de Araujo
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado