Busca avançada
Ano de início
Entree


Mimosoideae na Serra do Cipó, Minas Gerais e análise da variabilidade morfológica de Mimosa macedoana Burkart

Texto completo
Autor(es):
Leonardo Maurici Borges
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Biociências
Data de defesa:
Membros da banca:
Jose Rubens Pirani; Renato de Mello Silva; Ana Maria Goulart de Azevedo Tozzi
Orientador: Jose Rubens Pirani
Resumo

O estudo de Leguminosae Mimosoideae é parte do projeto Flora da Serra do Cipó, Minas Gerais, Brasil, e apresenta chaves de identifcação, ilustrações, comentários sobre distribuição geográfca e fenologia para os gêneros e espécies dessa região. o trabalho de campo e estudos de coleções de herbários indicam que Mimosoideae é representada na área por 57 espécies, pertencentes a 13 gêneros: Abarema (2 spp.), Albizia (1 sp.), Anadenanthera (1 sp.), Calliandra (6 spp.), Enterolobium (1 sp.), Inga (6 spp.), Leucochloron (1 sp.), Mimosa (25 spp.), Piptadenia (3 spp.), Plathymenia (1 sp.), Pseudopiptadenia (2 spp.), Senegalia (4 spp.) e Stryphnodendron (3 spp.). Mimosa macedoana é uma das espécies encontradas nos campos rupestres da região, cujas exsicatas permitem distinguir dois morfotipos pelo tamanho das partes vegetativas. Para averiguar se esta distinção ocorre em ambiente natural, duas populações da espécie foram submetidas a estudo morfométrico com uso de métodos de estatística multivariada (LC, PCa e DF). os resultados evidenciaram que as populações analisadas são morfologicamente distintas e que características fisiográfcas dos aforamentos rochosos onde se situam as populações podem infuenciar a variação morfológica. (AU)

Processo FAPESP: 06/58598-5 - Mimosoideae (Leguminosae) da Serra do Cipó, Minas Gerais e análise da variabilidade morfológica de Mimosa macedoana burkart
Beneficiário:Leonardo Maurici Borges
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado