Busca avançada
Ano de início
Entree


Análise Bayesiana da área de olho do lombo e da espessura de gordura obtidas por ultrassom e suas associações com outras características de importância econômica na raça Nelore

Texto completo
Autor(es):
Marcos Jun Iti Yokoo
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: Jaboticabal. 84 f.
Instituição: Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias.
Data de defesa:
Membros da banca:
Maria Eugênia Zerlotti Mercadante; Raysildo Barbosa Lôbo; Humberto Tonhati; Henrique Nunes de Oliveira
Orientador: Orientadora: Lucia Galvão de Albuquerque; Guilherme Jordão de Magalhães; Cláudio Ulhôa Magnabosco
Resumo

Objetivou-se com esse trabalho estimar os parâmetros genéticos para as características área de olho de lombo (AOL), espessura de gordura subcutânea na costela (EG) e espessura de gordura na garupa (EGP8) obtidas por ultrassom, ao ano (A) e ao sobreano (S). Além disso, foram estimadas as correlações genéticas entre essas características de carcaça obtidas por ultrassom (CCUS), e dessas com outras características de importância econômica em bovinos de corte, como peso (PS), altura do posterior (ALT) e perímetro escrotal (PE450) ao sobreano, idade ao primeiro parto (IPP) e primeiro intervalo entre partos (PIEP). Os parâmetros genéticos foram estimados em análises multi-características pelo modelo animal, utilizando-se a inferência Bayesiana via algoritmo de "Gibbs Sampling". As estimativas de herdabilidade a posteriori para as CCUS foram: 0,46 (AOL_A), 0,42 (EG_A), 0,60 (EGP8_A), 0,33 (AOL_S), 0,59 (EG_S) e 0,55 (EGP8_S), mostrando que se essas características forem utilizadas como critério de seleção, as mesmas devem responder rapidamente à seleção individual, sem causar antagonismo na seleção do PE450, PS (A e S) e IPP. A estimativa de herdabilidade a posteriori para as características IPP e PIEP foi de magnitude moderada a baixa, 0,26 e 0,11, respectivamente. A ALT apresentou correlação genética (rg) negativa com a EG_S (-0,38) e EGP8_S (-0,32), evidenciando que a seleção para animais mais altos pode levar a animais tardios em termos de terminação da carcaça. A seleção para melhorar as CCUS, o PIEP e o PE450 não afetará a IPP, contudo, animais mais pesados e mais altos tendem a ser mais precoces sexualmente (rg variou entre - 0,22 e -0,44). Com exceção da EG_S (rg=0,40), a seleção para as CCUS e as características de crescimento não afetará o PIEP, por resposta correlacionada. (AU)

Processo FAPESP: 05/58113-9 - Estimativas de parâmetros genéticos das características de carcaça, medidas pela ultra-sonografia, de crescimento e reprodução em bovinos da raça Nelore
Beneficiário:Marcos Jun Iti Yokoo
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado