Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

A revisão do Código Florestal Brasileiro: impactos negativos para a conservação dos anfíbios

Texto completo
Autor(es):
Luís Felipe Toledo ; Sergio Potsch de Carvalho-e-Silva ; Celso Sánchez ; Marina Amado de Almeida ; Célio Fernando Baptista Haddad
Número total de Autores: 5
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Biota Neotropica; v. 10, n. 4, p. 35-38, Dez. 2010.
Resumo

Nos últimos meses está em efervescente discussão uma proposta para que um novo código florestal (Projeto de Lei nº 1876/99) substitua o vigente instaurado por meio da Lei Federal nº 4771/65 e modificado recentemente por Medidas Provisórias. Este novo código proposto, todavia, propõe alterações legais que devem afetar negativamente as populações naturais de anfíbios do Brasil. O declínio de anfíbios deve gerar impactos negativos tanto para a população (humana) nacional, como para a comunidade internacional. Entre os possíveis efeitos dessa lei, em consequência da perda de diversidade de anfíbios, podemos citar o aumento nos custos de produção agrícola, perda de matéria prima para produção de remédios, descontrole ecológico, eutrofização de corpos d'água, encarecimento do custo do tratamento de água para abastecimento humano, aumento de pragas agrícolas e aumento de doenças transmitidas por insetos vetores. Isto tudo é bastante preocupante ainda mais se levarmos em conta a própria perda da biodiversidade de anfíbios, o grupo de vertebrados terrestres mais ameaçado do planeta. Sendo assim, ressaltamos a necessidade de que, caso um novo código florestal seja elaborado, este tenha embasamento também em questões técnicas e científicas que impreterivelmente afetam, não só a conservação da natureza, mas também a economia, saúde e bem estar das populações humanas. (AU)

Processo FAPESP: 08/50325-5 - Conservação de anfíbios brasileiros: especial enfoque para a Mata Atlântica
Beneficiário:Luis Felipe de Toledo Ramos Pereira
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Apoio a Jovens Pesquisadores
Processo FAPESP: 08/52847-9 - Conservação de anfíbios brasileiros: especial enfoque para a Mata Atlântica
Beneficiário:Luis Felipe de Toledo Ramos Pereira
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Apoio a Jovens Pesquisadores