Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Composição e diversidade da araneofauna (Araneae) de serapilheira em três florestas urbanas na cidade de São Paulo, São Paulo, Brasil

Texto completo
Autor(es):
Candiani, David F. ; Indicatti, Rafael P. ; Brescovit, Antonio D. [3]
Número total de Autores: 3
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Biota Neotropica; v. 5, n. 1A, p. 1-13, 2005.
Área do conhecimento: Ciências Biológicas - Zoologia
Assunto(s):Araneae   Florestas   Biodiversidade   São Paulo (SP)
Resumo

Três áreas urbanas foram amostradas utilizando armadilhas de solo do tipo pitfall-trap: Parque da Previdência, Mata da CUASO e Mata do Instituto Butantan. Estas áreas estão localizadas na região oeste da cidade de São Paulo. Foram colocadas 50 armadilhas por área em cada uma das estações do ano, totalizando 600 armadilhas. Durante todo o período foram coletadas 2339 aranhas, das quais 1569 adultas e 770 jovens. Estas foram separadas em 46 morfoespécies, pertencentes a 25 famílias, das quais as mais abundantes foram Linyphiidae, com 9 morfo-espécies, Theridiidae com 8 e Salticidae com 7. As espécies mais abundantes foram Hahniidae sp.1 e Guaraniella sp.1 no Parque da Previdência, Linyphiidae sp.1 na Mata do Instituto Butantan e Zoridae sp.2 e Brattiacastanea Millidge na Mata do CUASO. (AU)

Processo FAPESP: 99/05446-8 - Biodiversidade de Arachnida e Myriapoda do estado de São Paulo
Beneficiário:Antonio Domingos Brescovit
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Temático