Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Diversidade, distribuição espacial e temporal de anfíbios anuros (Amphibia, Anura) na região noroeste do estado de São Paulo, Brasil

Texto completo
Autor(es):
Vasconcelos, Tiago da Silveira [1] ; Rossa-Feres, Denise de C.
Número total de Autores: 2
Afiliação do(s) autor(es):
[1] Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas - Brasil
Número total de Afiliações: 2
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Biota Neotropica; v. 5, n. 2, p. 137-150, 2005.
Área do conhecimento: Ciências Biológicas - Zoologia
Assunto(s):Amphibia   Anura   Ecossistemas agrícolas   Ecologia de comunidades   São Paulo (SP)
Resumo

A riqueza e a abundância de adultos e girinos de anuros foram estudadas ao longo de 15 meses em dez corpos de água no noroeste do estado de São Paulo, região intensamente antropizada pela conversão de hábitats naturais em terras agrícolas. Foram registradas 27 espécies de anfíbios anuros, das quais quatro espécies constituem novos registros para a região. A maioria das espécies é característica de ambientes de formação vegetal aberta, sendo as maiores riqueza e diversidade de espécies encontradas em corpos de água lênticos em área aberta. Entretanto, em conseqüência do pequeno número de corpos de água encontrados nos fragmentos de mata da região, não é possível comparar a ocorrência de anuros em áreas abertas e fechadas. Foram determinados seis descritores da heterogeneidade dos corpos d'água, e nenhum deles foi relacionado com a riqueza de espécies. Por outro lado, tanto a riqueza quanto a abundância das espécies foram fortemente correlacionadas com as variáveis climáticas. A composição de espécies (diversidade b) variou pouco entre os corpos d'água, como provável conseqüência da grande amplitude de nicho, comum em espécies que ocupam ambientes instáveis ou alterados pelo homem, como os presentemente estudados. A riqueza de espécies da área amostrada é relativamente alta, quando comparada a outras localidades onde o grau de conservação ambiental é superior, como na Estação Ecológica de Águas Emendadas (Distrito Federal) e Floresta Nacional de Silvânia (Goiás). (AU)

Processo FAPESP: 01/13341-3 - Diversidade de anfíbios anuros do estado de São Paulo
Beneficiário:Célio Fernando Baptista Haddad
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Temático
Processo FAPESP: 02/11388-5 - Biodiversidade, distribuição espacial e ocorrência sazonal de girinos e adultos de anfíbios anuros em Nova Itapirema, região noroeste do Estado de São Paulo
Beneficiário:Tiago da Silveira Vasconcelos
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo FAPESP: 01/08675-0 - Biodiversidade de anuros (Amphibia, Anura) de Nova Itapirema, região noroeste do estado de São Paulo
Beneficiário:Tiago da Silveira Vasconcelos
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Iniciação Científica