Busca avançada
Ano de início
Entree

AKT/PKB interage com beta-actina no núcleo de células de melanoma

Processo: 19/00545-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de março de 2019 - 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Joel Machado Junior
Beneficiário:Joel Machado Junior
Instituição-sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Assunto(s):Espectrometria de massas  Transdução de sinais  Melanoma 

Resumo

A proteína quinase AKT/PKB é um regulador critico de diversos processos celulares essenciais e a sua desregulação tem sido envolvida em diferentes doenças, incluindo o câncer. Apesar da atuação de AKT na regulação de proteínas citoplasmáticas ser bem conhecida, trabalhos indicam que essa quinase também é capaz de translocar para o núcleo. Entretanto, pouco se sabe a respeito dos mecanismos que regulam a sua importação nuclear, bem como a sua função nesse compartimento celular. No presente estudo caracterizamos a presença do AKT nuclear endógeno em células de melanoma e examinamos a sua possível função nuclear por meio da investigação da sua associação com proteínas nucleares. Analises por microscopia confocal e Western blot mostraram que AKT se encontra no núcleo de células de melanoma independentemente do seu estado de fosforilação. Por espectrometria de massas em combinação com immunoprecipitação e crosslinking identificamos diversas proteínas putativas associadas com AKT nuclear nas células de melanoma, incluindo ribonucleoproteínas heterogêneas (hnRNP), proteínas do citoesqueleto como beta-actina,gama-actina, beta-actina-like 2 and vimentina. Analises bioquímicas e por microscopia confocal validamos beta-actina como um nova proteína que interage com AKT no núcleo. Cofilina e RNA polymerase II, duas proteínas conhecidas por interagirem e atuarem em conjunto com a actina nuclear na regulação da transcrição, também foram identificadas em associação com AKT. Em conjunto, este estudo revelou uma associação ainda nao descrita entre AKT e actina no núcleo, proporcionando insights quanto ao envolvimento de AKT na rede de interações da actina nuclear. (AU)