Busca avançada
Ano de início
Entree

Concepção e desenvolvimento de estratégia lúdico-educativa para a abordagem violência de gênero entre jovens brasileiros

Resumo

Resumo: O estudo propõe o desenvolvimento de estratégia lúdico-educativa no formato de jogo de tabuleiro voltado para a abordagem da violência de gênero junto à população jovem. O objetivo geral da pesquisa é desenvolver e validar uma tecnologia lúdica enquanto estratégia comunicacional e educativa, ambientada em um jogo de tabuleiro, que favoreça a interação, a problematização da realidade e a reflexão crítica sobre a violência de gênero entre jovens. Os objetivos específicos são: Proceder à construção de uma base teórico-conceitual e metodológica para subsidiar o desenvolvimento da investigação que articule tecnologias lúdico-educativas com violência, gênero e geração; Identificar as percepções de jovens sobre gênero e violência em diferentes contextos educativos; 5-Caracterizar o público-alvo quanto aos jogos de interesse e diversas mídias que consomem, com as quais convivem e se relacionam; 6-Elaborar a concepção teórica, as regras e as cartas do jogo a partir dos conteúdos produzidos na fase exploratória do estudo à luz referencial teórico sobre promoção da equidade de gênero e o enfrentamento da violência de gênero entre jovens. Desenvolver, avaliar e validar os conteúdos das cartelas e a jogabilidade da estratégia lúdico-educativa materializada em um jogo de tabuleiro. Estudo de casos múltiplos, exploratório, descritivo, com métodos mistos de produção dos dados a partir da triangulação de estratégias: Oficinas de Trabalho, observação não participante, revisão narrativa e entrevistas em profundidade. Para análise dos dados qualitativos, o estudo contará com o suporte do Software WebQDA e analisados segundo a propositura da análise de discurso. A metodologia do estudo divide-se em suas etapas ou subprojetos: a primeira constitui uma fase exploratória e a segunda a etapa de concepção e desenvolvimento de um jogo de tabuleiro, fundamentado na primeira etapa da pesquisa. Espera-se que o produto final do presente estudo possa favorecer a aprendizagem inventiva e a reflexão crítica acerca da violência de gênero e dos aspectos que a determinam, no sentido de contribuir para a prevenção e enfrentamento do fenômeno entre jovens brasileiros. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LUCIMARA FABIANA FORNARI; RAFAELA GESSNER LOURENÇO; REBECA NUNES GUEDES DE OLIVEIRA; DANYELLE LEONETTE ARAÚJO DOS SANTOS; MARIANA SBEGHEN MENEGATTI; ROSA MARIA GODOY SERPA DA FONSECA. Domestic violence against women amidst the pandemic: coping strategies disseminated by digital media. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 74, p. -, 2021.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.