Busca avançada
Ano de início
Entree

Microtomografia de raios X computadorizada aplicada ao estudo de material raro: redescrição de sete espécies brasileiras de planárias terrestres de Schirch (Geoplanidae, Platyhelminthes)

Resumo

Em 2016, descobrimos que o material-tipo de 10 das 15 espécies de planárias terrestres (Platyhelminthes, Tricladida, Geoplanidae) brasileiras descritas por Schirch (1929) estava depositado no Museu Nacional do Rio de Janeiro (MNRJ). Schirch descreveu somente o aspecto externo destas espécies, todas originalmente acomodadas no gênero Geoplana. Entre os anos 1930 e 1950 Geoplana itatiayana, G. plana, e G. rezendei foram revisadas taxonomicamente a partir do estudo de material não-tipo. As outras 12 espécies também foram revisadas mas só através da literatura. Os nomes atuais destas espécies são: Geoplana goettei, Pseudogeoplana arpi, Ps. blaseri, Ps. bonita, Ps. bresslaui, Ps. cardosi, Ps. doederleini, Ps. lumbricoides, Ps. obscura, Ps. riedeli, Ps. theresopolitana, e Ps. wetzeli. Geoplana maximiliani sensu Schirch (1929) foi renomeada como Ps. schirchi Ogren and Kawakatsu, 1990. O presente estudo reporta a revisão taxonômica de sete das espécies de Schirch através do estudo do material-tipo: Obama itatiayana, Pasipha plana, Pseudogeoplana arpi, Ps. bresslaui, Ps. doerdeleini, Ps. schirchi e Ps. wetzeli. Espécimes adicionais de algumas destas espécies foram também estudados. Os dados morfológicos foram extraídos de preparações histológicas e de cortes virtuais obtidos mediante a técnica não destrutiva da microtomografia computadorizada de raios X (µCT). Esta abordagem resultou na preservação da totalidade do corpo de pelo menos um espécime-tipo de cada espécie, incluindo o holótipo de Ps. bresslaui. A coespecificidade de O. itatiayana e P. plana é confirmada, como reportado anteriormente na literatura. Também se propõe que Ps. bresslaui é um membro do gênero Paraba, enquanto que as outras espécies de Schirch devem permanecer em Pseudogeoplana, já que os espécimes-tipo são imaturos ou estão pobremente conservados ou simplemente foram perdidos. (AU)