Busca avançada
Ano de início
Entree

Subsidios metodologicos para o estudo de processos de ensino e de aprendizagem de conteudos curriculares no ensino fundamental.

Processo: 06/54654-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2006 - 31 de outubro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia
Pesquisador responsável:Jair Lopes Junior
Beneficiário:Jair Lopes Junior
Instituição-sede: Faculdade de Ciências (FC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Avaliação física e funcional  Transtornos de aprendizagem  Ensino e aprendizagem  Ensino fundamental 

Resumo

Orientações oficiais para o Ensino Fundamental advogam propostas centradas no desenvolvimento de capacidades pelo aluno comprometidas com a construção de aprendizagens significativas, a partir de uma expansão na acepção do conceito de conteúdo curricular, que passa a compreender os conteúdos curriculares conceituais, procedimentais e atitudinais. O grupo coordenado pelo proponente deste projeto tem obtido os seguintes resultados em estudos com professoras do Ciclo I do Ensino Fundamental público estadual sobre as incidências dessas orientações nas práticas educativas: a) reduzido valor informativo dos repertórios verbais com os quais as docentes especificam e descrevem as habilidades exigidas pelas condições de ensino; b) ao vincularem práticas de ensino e de avaliação com determinados objetivos de ensino, predominam propostas nas quais uma dada atividade didática mostrar-se-ia consistente com o propósito de obter um conjunto de objetivos distintos, ou seja, a proposição de práticas de ensino não sustenta especificidade com as capacidades preconizadas pelos respectivos objetivos; c) na interpretação das medidas de aprendizagem, as docentes estabelecem uma correspondência direta entre as ações dos alunos e as expressões que definem os objetivos, desconsiderando propriedades importantes das condições (práticas de ensino e de avaliação) diante das quais as medidas foram emitidas. Fundamentando este projeto, em termos de referencial teórico, na Análise do Comportamento, admite-se que tais características expressam limitações nas habilidades das professoras para planejarem e executarem práticas de ensino e de avaliação em função da identificação e da descrição de propriedades relevantes dos desempenhos que definem as aprendizagens esperadas. Estima-se que tais limitações comprometem, em particular, o desempenho de alunos com dificuldades de acompanhamento curricular, pois, as condições de ensino e de avaliação podem não contemplar propriedades específicas dos repertórios que definem tais dificuldades. Este projeto objetiva avaliar se procedimentos metodológicos que definem a análise e a avaliação funcional de relações entre práticas educativas e medidas de desempenho poderiam se constituir em recursos pedagógicos para professoras dos Ciclos I e II do Ensino Fundamental público estadual no planejamento, na execução e na avaliação de situações de ensino de conteúdos curriculares de Língua Portuguesa, Matemática e Ciências Naturais, bem como em condição favorecedora da aprendizagem destes conteúdos por alunos com dificuldades de acompanhamento curricular. (AU)