Busca avançada
Ano de início
Entree

Identifying the regulating factors on biodiversity in deep time

Processo: 13/50904-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2014 - 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia
Convênio/Acordo: University of Southampton
Pesquisador responsável:Tiago Bosisio Quental
Beneficiário:Tiago Bosisio Quental
Pesq. responsável no exterior: Thomas Harold George Ezrad
Instituição no exterior: University of Southampton, Inglaterra
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/04072-3 - O papel das taxas de extinção e especiação e o efeito dos diferentes níveis de organização biológica na origem e manutenção da biodiversidade, AP.JP
Assunto(s):Biodiversidade  Congressos 

Resumo

Será que existe um limite na biodiversidade do nosso planeta? A ideia de um limite na diversidade de espécies parece razoável uma vez que o planeta é um objeto finito. Portanto parece razoável supor que tal limite de biodiversidade exista nos diferentes biomas do nosso planeta. Se um limite de fato existe poderíamos nos perguntar quais são os fatores ambientais, ecológicos e biológicos responsáveis em determinar tal limite. Biólogos de população se referem a um limite desta natureza com "capacidade suporte de indivíduos". Os mecanismos responsáveis por esse controle são geralmente considerados mecanismos dependentes de densidade onde perturbações ambientais (e.g. abióticas) geram somente flutuações ao redor de um padrão determinístico. O uso de teorias ecológicas por parte de paleo-biólogos já tem uma longa história, porém a simples reinterpretação de processos ecológicos em uma escala de tempo geológica pode ser problemática, dada a mudanças ambientais e ecológicas que devem ocorrer em escalas de tempo da ordem de milhões de anos. No registro fóssil os processos não devem ser primordialmente denso-dependentes uma vez que a "capacidade suporte" não é fixa. Dr. Tiago Quental e Dr. Thomas Ezard irão iniciar uma nova colaboração e propor dois workshops, a fim de discutir questões fundamentais para o entendimento do controle da biodiversidade. Ambos workshops terão participação de pesquisadores das University of Southampton e Universidade de São Paulo, porém também serão abertos para pesquisadores de outras instituições. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARSHALL, CHARLES R.; QUENTAL, TIAGO B. The uncertain role of diversity dependence in species diversification and the need to incorporate time-varying carrying capacities. PHILOSOPHICAL TRANSACTIONS OF THE ROYAL SOCIETY B-BIOLOGICAL SCIENCES, v. 371, n. 1691 APR 5 2016. Citações Web of Science: 27.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.