Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de raízes e produtividade da cana-de-açúcar em solos com propriedades distintas em função da fertilização nitrogenada

Processo: 08/01217-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2008
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Paulo Cesar Ocheuze Trivelin
Beneficiário:Rafael Otto
Instituição-sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:02/10534-8 - Rendimento da cana-de-açúcar em ciclos consecutivos associado ao efeito residual e as transformações de N e S no solo, em sistema conservacionista, AP.TEM
Assunto(s):Cana-de-açúcar   Nitrogênio   Fertilidade do solo   Isótopos estáveis   Fertilizantes

Resumo

Poucos foram os estudos mais detalhados com a cultura da cana-de-açúcar, que envolveram o desenvolvimento de raízes, a interação entre tipos de solos, o balanço hídrico e a adubação nitrogenada, apesar de sua importância. Há indícios de que a adubação nitrogenada favorece o crescimento de raízes, com reflexo no aumento da produtividade; de que a massa de raízes de cana-de-açúcar é maior em solos argilosos e férteis do que em solos de textura média e pouco fértil; e que a resposta em produtividade à adubação nitrogenada tende a ser maior com o aumento da idade das soqueiras, à medida que se esgotam as reservas de N mineral no solo. Para comprovar essas hipóteses serão acompanhados os ciclos agrícolas de 2ª e 3ª soca (2007-2008 e 2008-2009) em experimentos instalados nas Usinas Santa Adélia (LV distrófico de textura média), São Martinho (LV eutrófico argiloso) e São Luiz (LVA eutrófico de textura média), que fazem parte do PROJETO TEMÁTICO FAPESP No: 02/10534-8. Os tratamentos instalados no plantio (2005) foram doses de 0, 40, 80 e 120 kg ha-1; após o 1ª (2006) e 2º (2007) cortes doses de 0, 50, 100 e 150 kg ha-1 N (em parcelas subdivididas) e após o 3ª (2008) corte dose única de 100 kg ha-1 N, visando verificar o efeito residual das adubações anteriores. Serão quantificados no 3º (2008) e 4º (2009) corte a massa de matéria seca do sistema radicular (raízes e rizomas) e da parte aérea (colmo, folha seca e ponteiro), a produtividade de colmos, os atributos tecnológicos e o balanço hídrico, buscando estabelecer relações entre esses parâmetros e a fertilização nitrogenada de soqueira.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
OTTO, R.; MULVANEY, R. L.; KHAN, S. A.; TRIVELIN, P. C. O. Quantifying soil nitrogen mineralization to improve fertilizer nitrogen management of sugarcane. BIOLOGY AND FERTILITY OF SOILS, v. 49, n. 7, p. 893-904, OCT 2013. Citações Web of Science: 17.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.