Busca avançada
Ano de início
Entree

O papel do fator de crescimento insulina-símile I (IGF-I) na modulação do efeito de citocinas na resistência e suscetibilidade na leishmaniose cutânea murina infectados por Leishmania (L.) major

Processo: 08/04106-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Hiro Goto
Beneficiário:Luiza de Campos Reis
Instituição-sede: Instituto de Medicina Tropical de São Paulo (IMT). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Leishmania major   Fator de crescimento insulin-like I   Citocinas   Imunoparasitologia   Leishmaniose

Resumo

Na infecção por Leishmania há a participação da resposta imune específica e inespecífica na evolução da doença. Muitos fatores de crescimento têm efeito nessa interação parasito-hospedeiro como o fator de crescimento insulina-símile I (IGF-I). Os trabalhos realizados pelo grupo da Profa. Hiro Goto mostram que IGF-I favorece a proliferação do parasito e progressão da infecção, com efeito na produção de óxido nítrico e arginase por macrófagos e da arginase do parasito. IGF-I pode ser também um fator que poderia mediar a suscetibilidade e resistência que não são explicados com base somente no perfil de citocinas produzidas. A possível participação de IGF-I nessa modulação se baseia nos estudos in vitro que demonstram que citocinas Th2 como IL-4 e IL-13 estimulam a expressão de IGF-I em macrófagos de camundongos enquanto as citocinas IFN-gama e IFN-alpha/betha diminuem a sua expressão. Resultados preliminares mostram que macrófagos estimulados com IFN-gama levam a uma redução da carga parasitária acompanhada de uma redução na expressão de IGF-I. Quando as células são estimuladas com IL4 e IL-13 ocorre um aumento no parasitismo acompanhado de um aumento na expressão de IGF-I. Com base nesses achados pretendemos avaliar o papel do IGF-I na modulação do efeito de citocinas na resistência e suscetibilidade na leishmaniose cutânea murina por Leishmania (L.) major. Os estudos serão voltados à avaliação da produção de IGF-I por macrófagos infectados sob efeito de citocinas Th1 e Th2 e à análise do parasitismo e produção de óxido nítrico após manipulação genética de células e tecidos com interferência na expressão ou com superexpressão de IGF-I.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
REIS, LUIZA C.; RAMOS-SANCHEZ, EDUARDO MILTON; PETITTO-ASSIS, FABRICIO; NERLAND, AUDUN H.; HERNANDEZ-VALLADARES, MARIA; SELHEIM, FRODE; FLOETER-WINTER, LUCILE MARIA; GOTO, HIRO. Insulin-Like Growth Factor-I as an Effector Element of the Cytokine IL-4 in the Development of a Leishmania major Infection. Mediators of Inflammation, 2018. Citações Web of Science: 1.
REIS, L. C.; RAMOS-SANCHEZ, E. M.; GOTO, H. The interactions and essential effects of intrinsic insulin-like growth factor-I on Leishmania (Leishmania) major growth within macrophages. PARASITE IMMUNOLOGY, v. 35, n. 7-8, p. 239-244, JUL 2013. Citações Web of Science: 10.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.