Busca avançada
Ano de início
Entree

Anatomia floral de espécies de Leguminosae com polinização noturna enfatizando os osmóforos

Processo: 09/01057-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2009
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Morfologia Vegetal
Pesquisador responsável:Simone de Pádua Teixeira
Beneficiário:Cristina Ribeiro Marinho
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Anatomia comparada   Anatomia vegetal   Secreção

Resumo

As flores que são polinizadas à noite normalmente exalam odores fortes, pois nessas espécies a fragrância é o principal meio de localização das inflorescências pelos seus polinizadores. A liberação de odor pelas flores pode ocorrer de várias formas, seja difusamente por toda a superfície floral, seja em regiões bem definidas e especializadas, denominadas osmóforos. Osmóforos são comumente relatados nos órgãos florais de espécies da família Orchidaceae, mas pouco estudados em Leguminosae. Sua ocorrência geralmente está associada à melitofilia. Diante da complexidade de estruturas envolvidas na síntese de odores e das diversas formas de liberação, os estudos anatômico e químico das regiões envolvidas na emissão de voláteis presentes nos órgãos florais são importantes, pois esses estudos podem fornecer informações fundamentais para o entendimento das interações ecológicas de plantas e seus polinizadores. Além desse fato, análises anatômicas comparativas de estruturas secretoras como osmóforos podem fornecer dados que auxiliem na determinação de relações filogenéticas entre as espécies. Entretanto, a semelhança de características florais diretamente relacionadas à polinização, como a morfologia dos osmóforos, pode ocorrer devido a eventos de convergência evolutiva associados a mecanismos de polinização semelhantes e não pelo parentesco entre os grupos. Dessa forma, este trabalho tem como objetivos (1) levantar caracteres anatômicos florais compartilhados pelas espécies de Leguminosae com polinização noturna e, então, determinar se a polinização noturna em espécies de Leguminosae está relacionada com a presença de osmóforos em seus órgãos florais; (2) investigar se os osmóforos presentes nessas espécies são ontogenetica e morfologicamente semelhantes constituindo homologias para a família. Para tal, botões florais em várias fases de desenvolvimento e flores de algumas espécies noturnas de Leguminosae serão fixados e processados para análises em microscopias de luz, eletrônica de varredura e eletrônica de transmissão. Análises histoquímicas serão realizadas nas peças florais a fim de determinar a localização e a caracterização das substâncias produzidas.

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARINHO, CRISTINA RIBEIRO; POLETI MARTUCCI, MARIA ELVIRA; GOBBO-NETO, LEONARDO; TEIXEIRA, SIMONE PADUA. Chemical composition and secretion biology of the floral bouquet in legume trees (Fabaceae). Botanical Journal of the Linnean Society, v. 187, n. 1, p. 5-25, MAY 2018. Citações Web of Science: 5.
THAIS CURY DE BARROS; CRISTINA RIBEIRO MARINHO; GISELI DONIZETE PEDERSOLI; JULIANA VILELLA PAULINO; SIMONE PÁDUA TEIXEIRA. Beyond pollination: diversity of secretory structures during flower development in different legume lineages. Acta Botanica Brasilica, v. 31, n. 3, p. 358-373, Set. 2017. Citações Web of Science: 3.
MARINHO, CRISTINA RIBEIRO; OLIVEIRA, REJANE BARBOSA; TEIXEIRA, SIMONE PADUA. The uncommon cavitated secretory trichomes in Bauhinia s.s. (Fabaceae): the same roles in different organs. Botanical Journal of the Linnean Society, v. 180, n. 1, p. 104-122, JAN 2016. Citações Web of Science: 8.
MARINHO, C. R.; SOUZA, C. D.; BARROS, T. C.; TEIXEIRA, S. P. Scent glands in legume flowers. Plant Biology, v. 16, n. 1, p. 215-226, JAN 2014. Citações Web of Science: 17.
DE SOUZA, CAMILA DEVICARO; MARINHO, CRISTINA RIBEIRO; TEIXEIRA, SIMONE PADUA. Ontogeny resolves gland classification in two caesalpinoid legumes. TREES-STRUCTURE AND FUNCTION, v. 27, n. 3, p. 801-813, JUN 2013. Citações Web of Science: 3.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MARINHO, Cristina Ribeiro. Estruturas secretoras florais em espécies de Leguminosae = : Floral secretory structures in species of Leguminosae. 2013. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Biologia.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.