Busca avançada
Ano de início
Entree

Atividade sentado para de pé em crianças com paralisia cerebral: relação com a força muscular e a participação social

Processo: 10/12688-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Nelci Adriana Cicuto Ferreira Rocha
Beneficiário:Adriana Neves dos Santos
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Paralisia cerebral   Força muscular   Participação social   Crianças

Resumo

A Classificação Internacional de Funcionalidade proporciona uma visão holística do indivíduo e encoraja a relação entre os diferentes componentes de funcionalidade e incapacidade. Entre os componentes de atividade funcional a atividade sentado para de pé (ST-DP) deve ser considerada em crianças com paralisia cerebral (PC) visto que está comprometida nesta população e é comumente realizada na rotina diária. Infere-se que suas alterações possam ser relacionadas ao déficit de força muscular presente nesta população e comprometimento na participação social. Verificar a relação da transferência ST-DP, com a geração de força muscular e com a participação do indivíduo na sociedade em crianças típicas e com paralisia cerebral. Serão avaliadas 10 crianças típicas e 10 com PC espástica diplégica, níveis II e III da GMFCS. Para a avaliação de ST-DP será realizada análise cinemática. Serão avaliados os picos de torque e potências musculares para os grupos extensores e flexores de joelho e dorsiflexores e flexores plantares de tornozelo, por meio do dinamômetro isocinético. Para análise da participação social serão utilizados o Inventário de Avaliação Pediátrica de Incapacidade (PEDI) e o Life Habits for Children (LIFE-H). As comparações entre grupos de crianças típicas e com PC serão avaliadas por testes adequados com a normalidade de sua distribuição. Para o estudo de correlação serão utilizados coeficientes de correlação e a regressão logística. Será adotado um nível de significância de 5% (p>0,05). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANTOS, ADRIANA N.; PAVAO, SILVIA L.; AVILA, MARIANA A.; SALVINI, TANIA F.; ROCHA, NELCI A. C. F. Reliability of isokinetic evaluation in passive mode for knee flexors and extensors in healthy children. BRAZILIAN JOURNAL OF PHYSICAL THERAPY, v. 17, n. 2, p. 112-120, MAR-APR 2013. Citações Web of Science: 9.
DOS SANTOS, ADRIANA NEVES; PAVAO, SILVIA LETICIA; DE CAMPOS, ANA CAROLINA; CICUTO FERREIRA ROCHA, NELCI ADRIANA. International classification of functioning, disability and health in children with cerebral palsy. DISABILITY AND REHABILITATION, v. 34, n. 12, p. 1053-1058, 2012. Citações Web of Science: 21.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.