Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da administração de ezetimiba ou fitosteróis no estresse oxidativo e nos parâmetros inflamatórios de indivíduos portadores de síndrome metabólica com dislipidemia controlada por estatinas

Processo: 11/23684-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2012
Vigência (Término): 31 de março de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Bioquímica da Nutrição
Pesquisador responsável:Inar Alves de Castro
Beneficiário:Melissa Galasso
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Síndrome metabólica   Inibidores de hidroximetilglutaril-CoA redutases   Ezetimiba   Antioxidantes   Aterosclerose   Alimentos

Resumo

As doenças cardiovasculares (DCV) são as principais causas de morbimortalidade nos países industrializados e em desenvolvimento. Entre estas se destaca a aterosclerose, uma doença inflamatória de origem multifatorial que ocorre em resposta à agressão endotelial, que é o principal processo patológico que leva a doença arterial coronariana e a doença cerebral vascular. Um dos fatores de risco para início da formação da placa aterosclerótica é a elevação de lipoproteínas aterogênicas, como LDL, IDL e VLDL e inúmeras estratégias têm sido utilizadas para diminuição dessas moléculas. Associação de fármacos, como estatinas e ezetimiba, e estes com compostos bioativos como os fitosteróis, tem sido amplamente pesquisadas na tentativa de potencialização de efeitos hipocolesterolêmicos, na diminuição de efeitos colaterais causados pelos medicamentos, na diminuição do estresse oxidativo e riscos de desenvolvimento de doenças crônicas. Entretanto, a combinação de fármacos com compostos bioativos ainda é pouco aplicada na prática clínica sob a argumentação de que os estudos comparativos ainda são insuficientes. Desta forma, o objetivo deste trabalho será de comparar a combinação de terapias hipolipemiantes: "estatinas + ezetimiba" e "estatinas + fitosteróis" no perfil lipídico, estresse oxidativo e parâmetros inflamatórios de indivíduos portadores de síndrome metabólica, tendo como hipótese de que associação de estatina é eficaz tanto com fitosteróis quanto com ezetimiba na redução do colesterol total e da LDL e, consequentemente, na diminuição do estresse oxidativo, sendo que a utilização do composto bioativo teria a vantagem de ser um produto natural presente nos alimentos, o que implicaria numa maior aderência quando comparado ao medicamento. O estudo consistirá de 2 etapas. Na primeira fase serão produzidos bombons diet com adição de 1 a 2 g de fitosteróis/unidade, sendo selecionado esse produto como matriz alimentar pelo seu conteúdo lipídico, importante para a solubilização dos fitosteróis, e também por ser um alimento de ampla aceitação. Esses bombons serão analisados quanto a sua estabilidade a cada 15 dias durante 3 meses através de avaliações físico-químicas, microbiológicas e sensoriais. Na segunda fase será conduzido um estudo clínico cross-over duplo cego por 6 semanas, com aproximadamente 50 pacientes portadores de síndrome metabólica com dislipidemia controlada com estatinas, recebendo ezetimiba ou fitosteróis em 2 períodos diferentes. Além de análises do perfil lipídico (colesterol total, LDL, HDL e triglicerídeos) será avaliado o efeito da dupla terapia sobre biomarcadores de estresse oxidativo (malonaldeído, atividade e expressão de enzimas catalase, superóxido dismutase, glutationa peroxidase, atividade antioxidante total, LDL oxidada) e parâmetros inflamatórios (IL-6, TNF-a, adiponectina, leptina, PCR), assim como análises de polimorfismo de transportadores e proteínas envolvidas no metabolismo e absorção do colesterol (ABCG5/G8, NPC1L1, HMG-redutase).

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BOTELHO, PATRICIA BORGES; GALASSO, MELISSA; DIAS, VIRGINIA; MANDRIOLI, MARA; LOBATO, LUCIANA PEREIRA; RODRIGUEZ-ESTRADA, MARIA TERESA; CASTRO, INAR ALVES. Oxidative stability of functional phytosterol-enriched dark chocolate. LWT-FOOD SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 55, n. 2, p. 444-451, MAR 2014. Citações Web of Science: 30.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.