Busca avançada
Ano de início
Entree

Comunicação alternativa para crianças com paralisia cerebral não verbais: programas para contextos de vida diária

Processo: 14/17741-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2014
Vigência (Término): 31 de agosto de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Claudia Maria Simões Martinez
Beneficiário:Mariana Gurian Manzini
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Educação especial   Comunicação não verbal   Comunicação alternativa   Paralisia cerebral   Crianças

Resumo

Crianças com necessidades complexas de comunicação se beneficiam de programas direcionados à orientação e instrumentalização do usuário, da família e da escola. Esta pesquisa visa elaborar, implementar e analisar a eficácia de um programa individualizado de comunicação alternativa para crianças com paralisia cerebral não verbais aplicado em três de seus contextos de vida diária. Parte-se da hipótese de que a implementação deste programa e os suportes ofertados por seus pais, professores e terapeutas em três contextos de desenvolvimento possam intensificar o aumento e a qualidade do repertório de habilidades comunicativas. Esta pesquisa será realizada: nas escolas diretamente com os professores; no ambiente clínico, com terapeutas ocupacionais e no ambiente familiar das crianças, diretamente com as mães ou outro familiar no caso de impedimentos da mãe. Os participantes serão 03 crianças, com diagnóstico de paralisia cerebral não verbais, com idade entre 6 e 12 anos, e suas respectivas terapeutas, mães e professores. O delineamento a ser utilizado será o de linha de base múltipla por situações. Serão utilizados instrumentos qualitativos referentes ao conteúdo e caracterização dos participantes (entrevistas e dados de prontuários) e instrumentos quantitativos pertinentes à mensuração da intervenção (protocolo). Espera-se que haja aumento de habilidades comunicativas para maior participação das crianças desta amostra nos diferentes contextos, atividades e tarefas acadêmicas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARIANA GURIAN MANZINI; DANIEL MARINHO CEZAR DA CRUZ; MARIA AMÉLIA ALMEIDA; CLAUDIA MARIA SIMÕES MARTINEZ. Programa de Comunicação Alternativa para uma Criança com Paralisia Cerebral e seus Parceiros de Comunicação: um Estudo de Delineamento de Múltiplas Sondagens. Rev. bras. educ. espec., v. 25, n. 4, p. 553-570, Dez. 2019.
MANZINI, MARIANA GURIAN; SIMOES MARTINEZ, CLAUDIA MARIA; LOURENCO, GERUSA FERREIRA; OLIVEIRA, BARBARA DE BRITO. Alternative communication training of interlocutors for children with cerebral palsy. CADERNOS BRASILEIROS DE TERAPIA OCUPACIONAL-BRAZILIAN JOURNAL OF OCCUPATIONAL THERAPY, v. 25, n. 3, p. 553-564, 2017. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.