Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise comparativa do mecanismo de secreção de proteínas heterólogas em Aspergillus nidulans

Processo: 14/23051-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 30 de setembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:André Ricardo de Lima Damasio
Beneficiário:Felipe Calzado
Instituição-sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/20549-4 - Secreção de glicoproteínas heterólogas em Aspergillus: efeito do padrão de glicosilação em parâmetros funcionais de glicosil hidrolases, AP.BIOEN.JP
Assunto(s):Aspergillus nidulans   Enzimas termofílicas   Transcriptoma   Degradação de biomassa

Resumo

Como forma de diminuir o uso de energias de origem fóssil e aumentar do uso de energias renováveis, o etanol de segunda geração obtido a partir da conversão de biomassa vegetal lignocelulósica em açúcares fermentáveis tem sido foco de muitas pesquisas atualmente a fim de viabilizar seu uso. Os fungos filamentosos se destacam na produção e secreção de enzimas lignocelulolíticas de forma homóloga e heteróloga, entretanto pouco se sabe sobre os mecanismos de secreção de proteínas utilizados por estes microrganismos. Pensando nisso, a utilização do organismo modelo de fungos filamentosos Aspergillus nidulans se torna um importante recurso de estudos por ser geneticamente bem caracterizado. O objetivo deste projeto de mestrado é realizar a análise comparativa dos mecanismos de secreção de diferentes proteínas heterólogas em A. nidulans gerando dados de transcriptoma a partir da técnica de RNA-seq (Next Generation RNA sequencing) e analisá-los com auxílio de ferramentas de bioinformática. Para monitorar o processo de secreção, adotaremos 4 genes alvo: arabinase GH43 (AbnA), celobiohidrolase GH7 (CbhI), beta-glicosidase GH3 (BglC) e mananase GH5 termofílica (1542.1). Estes genes foram previamente clonados e transformados em A. nidulans, sendo que para AbnA e CbhI atingiu-se altos níveis de secreção, diferente de BglC e 1542.1, onde os níveis de secreção foram mínimos. Com os resultados obtidos, nosso objetivo central é de demonstrar como a cepa se adapta à expressão heteróloga de diferentes genes alvo, incluindo um gene de característica termofílica. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CONTESINI, FABIANO JARES; LIBERATO, MARCELO VIZONA; RUBIO, MARCELO VENTURA; CALZADO, FELIPE; ZUBIETA, MARIANE PALUDETTI; RIANO-PACHON, DIEGO MAURICIO; SQUINA, FABIO MARCIO; BRACHT, FABRICIO; SKAF, MUNIR S.; DAMASIO, ANDRE RICARDO. Structural and functional characterization of a highly secreted alpha-L-arabinofuranosidase (GH62) from Aspergillus nidulans grown on sugarcane bagasse. BIOCHIMICA ET BIOPHYSICA ACTA-PROTEINS AND PROTEOMICS, v. 1865, n. 12, p. 1758-1769, DEC 2017. Citações Web of Science: 2.
CALZADO, FELIPE; PRATES, ERICA T.; GONCALVES, THIAGO A.; RUBIO, MARCELO V.; ZUBIETA, MARIANE P.; SQUINA, FABIO M.; SKAF, MUNIR S.; DAMASIO, ANDRE R. L. Molecular basis of substrate recognition and specificity revealed in family 12 glycoside hydrolases. Biotechnology and Bioengineering, v. 113, n. 12, p. 2577-2586, DEC 2016. Citações Web of Science: 4.
RUBIO, MARCELO VENTURA; ZUBIETA, MARIANE PALUDETTI; LOURENO FRANCO CAIRO, JOAO PAULO; CALZADO, FELIPE; PAES LEME, ADRIANA FRANCO; SQUINA, FABIO MARCIO; PRADE, ROLF ALEXANDER; DE LIMA DAMASIO, ANDRE RICARDO. Mapping N-linked glycosylation of carbohydrate-active enzymes in the secretome of Aspergillus nidulans grown on lignocellulose. BIOTECHNOLOGY FOR BIOFUELS, v. 9, AUG 8 2016. Citações Web of Science: 9.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.